Registre se no nosso fórum clicando |Aqui| e torne-se um ninja

Qualquer dúvida, pergunte para um Administrador ou Moderador por MP, crie um tópico ou utilize nosso Chatbox.

Também não se esqueça de curtir nossa página no Facebook: https://www.facebook.com/NarutoTheGames


Att. Staff NTG


NTGVILLE ESTÁ EVOLUINDO SEMPRE. CHEGUE E CRESÇA CONOSCO!
 
FAQCalendárioInícioPortalBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 fuorilegge

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
High
Nukenin | Kiri
Nukenin | Kiri
avatar

Mensagens : 992

Alerta :
80 / 10080 / 100


Ficha de Personagem
Personagem: Nagato [25.01.2016]
Vida Vida:
1700/1700  (1700/1700)
Chakra Chakra:
1700/1700  (1700/1700)

MensagemAssunto: fuorilegge   12/1/2016, 12:21



Os arredores de Kiri pareciam calmos, pelo menos. Lógico que o horário de viagem deveria ser levado em conta. De madrugada é obvio que poucos ou nenhum visitante apareceria pela região. Continuava guiando os dois parceiros de viagem, um sendo meu líder e a outra, uma total desconhecida. Não me preocupei em fazer amizade com ela, afinal, tudo estava se encaminhando para nos conhecermos em batalha. Já na praia, avistei um barco velho e usável, com seu motor em perfeito estado. Logo entrei no mesmo, seguido pelos companheiros. Mais uma viagem longa começaria ali, e crendo na sorte, terminaria rápido. O barco seguia seu rumo perfeitamente, indo pra direção do país do Fogo.

Dentro do país do fogo, passando por sua fronteira, comecei apertar o passo, quase que correndo. Pedi para que andassem no mesmo ritmo que eu, afinal, se perder não era uma opção. Não estávamos em uma excursão, afinal. Provavelmente os dois nunca estiveram no país do Fogo e se já, não para o que faríamos. Atacar uma vila, um plano bem arriscado de conseguir poder. Aceitei na hora, é claro. Quer prova melhor de poder do que invadir uma vila e quem sabe sair vivo? Não existe maneira melhor.

Seguimos por uma trilha durante muito tempo até finalmente chegar nos arredores de Konoha. Hesitei um instante, pedindo para que meus companheiros também parassem. Konoha fica ali na frente. Irei primeiro, quero que me deem cobertura. Farei o primeiro ataque a vila, e se tudo der certo, o ultimo. Terminando, fiz um simples selo de mão criando uma réplica de mim mesmo. Esta tomava a frente, e meu eu original, seguia-o de perto.

De frente pro muro, um simples salto foi dado. Alcançamos o topo rapidamente, tendo uma visão privilegiada da maioria da vila. Um sinal foi o suficiente pro clone entrar na vila, retirando a samehada das costas e aplicando cortes com a mesma em civis. Tudo para chamar atenção, é claro. Por atacar civis, não teria problema. Essa matança só tinha um propósito, chamar atenção dos defensores.

Libertando o poder ocular de meu olho esquerdo, a cor castanha deu lugar a uma cor avermelhada e três virgulas. Um poderoso poder capaz de dar vantagem em uma luta para seu utilizador. Meu corpo original permanecia parado, observando o local com o poder ocular. Qualquer ninja que aparecesse seria apontado, a não ser os dois companheiros, como oponente e então, mandaria o clone atacar de maneira rápida e cruel, tentando tirar a vida do futuro oponente o mais rápido possível, com toda a velocidade de raciocínio que possui.



Considerações: Foi isso. Já fui da vila, portanto, achar não é problema. Narrei um pouco da caminhada até a vila, nada de mais. Sim, é chato narrar isso, portanto, ficou uma merda. Aparência na ficha e link da mesma na descrição. Estou trajando roupa típica de um Jouunin de Kiri, carregando também a Samehada nas costas e duas bolsas ninja com kunais e armamentos básicos. Matheus, vulgo Freud deu pra mim e pro Asura uma Kunai de três pontas. Sim, a Kunai do Minato. Guardei ela, mesmo não tendo deixado claro na bolsa presa na coxa. Outra bolsa encontra-se na cintura, igual qualquer outro ninja convencional usa.

Deixei claro criar um clone, e este partir pra dentro da vila. Como disse, ele está atacando pessoas, pessoas comuns, cidadães. Portanto, não possuem grande quantidade de chakra. Só avisarei meu clone caso apareça alguém com essa tal grande quantidade, tendo essa informação é claro por contra do Sharingan. Se aparecer um oponente que eu consiga avisar pro clone, ou que eu consiga rastrear este com meu Doujutsu, o clone irá atacar expelindo grande quantidade de chakra e fogo da boca, criando uma bola de fogo que tem como alvo o oponente marcado. Lembrando, se eu não conseguir a informação, nada será feito. Portanto, só desconto o chakra do jutsu se realmente acontecer o ataque. Após atacar utilizando Katon, o clone vai partir pra cima do oponente com ataques corpo a corpo e com ataques utilizando a samehada.

Bom, foi só. Saída: http://narutothegames.forumeiros.com/t50928-ooooooooooh-o-coca-vai-te-pegaaaaaa

Riyu: 1500 e 1410.

Citação :
Sharingan
Rank: -
Descrição: O Sharingan é um doujutsu que aparece em alguns membros do clã Uchiha. É um dos três grande doujutsus, juntamente com o Byakugan e o Rinnegan. O Sharingan é também chamado de "Olho do Céu", por causa das muitas habilidades que concede ao usuário. Tobirama Senju define como o "olho que reflete os sentimentos".

Citação :
Kage Bunshin no Jutsu
Rank: B
Descrição: Semelhante ao Bunshin no Jutsu, esta técnica cria clones do utilizador. No entanto, esses clones são cópias reais, não ilusões. O chakra do usuário é uniformemente distribuído entre cada clone, dando a cada clone uma fração igual de poder global do usuário. Os clones são capazes de executar técnicas por si só e pode até sangrar, mas normalmente se dispersarão após um ou dois golpes sólidos, no entanto, mesmo assim, dependendo do crescimento do utilizador com a técnica, pode não ser suficiente, como é evidente quando, durante a Quarta Guerra Mundial Shinobi alguns clones mais notáveis de Naruto tomou batidas pesadas, mas não se dispersou. Os clones podem também dispersar por si próprios. Os clones serão criados em aproximadamente a mesma condição que o original. No entanto, enquanto no Kyuubi Chakura Modo, Naruto é capaz de criar clones de si mesmo em sua forma regular.

Os clones de sombra não pode ser distinguida da pessoa real, mesmo pelo Byakugan porque os clones têm a mesma quantidade exata de chakra e não são feitas de qualquer outro material.

Citação :
Katon: Goukakyuu no Jutsu
Rank: C
Descrição: Uma técnica onde o chakra amassado dentro do corpo é transformada em fogo e expulso da boca ou como uma esfera maciça de fogo que ruge ou como um lança-chamas contínuo. O alcance do ataque é alterada através do controle do volume de chakra que está reunido. As chamas lançadas vai engolir o seu alvo, e deixar uma cratera na superfície da terra. Esta técnica, aparentemente, exige mais do que as reservas de chakra mediana e mais, um genin não deve ser capaz de fazer esta técnica.

O clã Uchiha também usa esta técnica como uma rito de "maioridade" e, como tal, era comum e uma das técnicas mais favorecidas entre eles.

Citação :
Hiraishin Kunai
Rank: -
Descrição: A Hiraishin Kunai são feitos sob tokuchou kunai utilizado por Minato Namikaze em conjunto com seu ninjutsu de espaço-tempo: o Hiraishin no Jutsu. Eles diferem de uma kunai padrão em que eles têm três lâminas, em vez de um e no punho (que é mais grosso que o normal) é o "marcador" para a capacidade de teletransporte de Minato, Minato disse também que estas lâminas são um pouco mais pesadas do que uma kunai normal. Os dentes sobre eles também torna mais mortal em combate corpo a corpo.

Minato deu uma dessas kunai a seu aluno Kakashi Hatake, como um presente de comemoração para a sua promoção a jounin, bem como ser capaz de se teletransportar para sua equipe a qualquer momento a kunai foi lançada. Durante a Terceira Guerra Mundial Shinobi, na batalha entre Konohagakure e Iwagakure, o ninja do exterior jogou estas kunai atrás das linhas inimigas que permitiu que Minato se teletransporte instantaneamente para os vários locais e matar os shinobis adversários, enquanto, ao mesmo tempo, tornando-se difícil para o inimigo prever onde ele se teletransportaria. Ele também manteve várias destas lâminas em sua casa segura, para que ele pudesse teleportar para lá rapidamente quando necessário.

Citação :
Samehada
Rank: -
Descrição: Samehada (鲛肌; Literalmente significa "Pele de Tubarão") é uma grande espada senciente, comparável em tamanho ao Kubikiribōchō. Ela é descrita como "a mais terrível de todas as sete espadas da névoa" e até ganhou o título de "Grande Espada" (大刀, Daitō), acrescentando ainda mais em sua reputação temível.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Cherry
Nukenin | Kiri
Nukenin | Kiri
avatar

Mensagens : 1454

Alerta :
0 / 1000 / 100


Ficha de Personagem
Personagem: Uchiha Itachi [22.01.16]
Vida Vida:
2000/2000  (2000/2000)
Chakra Chakra:
2100/2100  (2100/2100)

MensagemAssunto: Re: fuorilegge   12/1/2016, 20:31



Paz por paz eu escolho a guerra. A reciprocidade é algo pouco característico entre essa raça espúria que é soberana sobre o planeta, e este fato tornou-se claro naquela viagem. Ha pouco tempo havia deixado de tomar para mim aqueles ares que sempre me pertenceram, a mudança climática parecia uma evolução espiritual intrinsecamente ligada à natureza do ser, e toda aquela trajetória revigorante regava os entorpecentes que me amenizavam os ânimos durante o trajeto. O time composto pela elite de nosso reino e mais uma garota qualquer  –Asura-, era guiado pelo atual espadachim que a pouco tempo havia deserdado do que viria a ser nosso destino. Vários foram os meios utilizados e que nos levaram até ali: Recordo-me perfeitamente do singelo barco cor chumbo que nos transportou pelos mares do País da Água, assim como a pequena vila de pescadores na qual ancoramos a embarcação.

Corríamos de forma açodada pelos galhos – mais velozes que mil Haitianos quando avistam uma marmita-. Com os olhos estagnados no futuro, acompanhava o portador daquela imensa espada que demonstrava sua destreza ao abrir espaço pela trilha que tocávamos naquele instante. O ar que se chocava bruscamente contra minha face aumentava consideravelmente a percepção de velocidade, aplicando uma falsa perspectiva que pouco me burlava.

Por fim parecíamos ter alcançado o objetivo. Paramos. Riyu pronunciou palavras soltas ao ar que de fato pouco me interessavam, pois o dito já se tratava de um planejamento prévio. Em um movimento similar ao dele deixei surgir, em meio a um breve explodir esfumaçante, uma réplica perfeita que avançou pouco antes dos dois sujeitos que seriam responsáveis pela linha de frente.

Não demorou até alcançar o portão, e de cima dele lançar uma kunai para o alto. A arma detinha uma angulação perfeita rumo o interior da vila.

vqv.: Primeiramente, boa tarde. Segundamente, pau no seu cu – zoas ou não-. Bom, não preciso nem citar como cheguei até o vilarejo, o Gustavo já fez todo esse trabalho por mim. Então vou direto para as considerações que realmente importam.

Fica claro aqui que foi criado um clone e que esse avançou em direção do portão antes do Wesley Safadão e de sua respectiva réplica. A diferença de tempo não razoável, cerca de cinquenta segundos; tempo suficiente para chegar antecipadamente e lançar aos céus a kunai hiraishin. Sejamos lógicos, o portão deve ter um média 7-10 metros de altura, mas irei considerar 10 pois é mais tranquilo e favorável. Logo, a força que foi lançada juntamente com a altura faria com que ela facilmente alcançasse 50 metros do chão. Isso não é muito importante, é apenas para dar lógica para o que vem a seguir: Quando a kunai alcançar o seu ápice e começar a entrar em queda livre, no ponto exato da parábola onde ela recebe o impulso inicial da gravidade e o movimento de subida torna-se o de declive, o clone irá executar a técnica Shuriken Kage Bunshin no Jutsu. Na própria descrição do jutsu cita que cria milhares de clones, mas eu sou modesto, irei considerar apenas mil kunais em queda livre e que vão abranger cerca de 70m². Considerando que há um espaço entre elas quando são criados os clones, e que o movimento de impulso da queda livre espalharia elas levemente –sem contar a quantidade- é uma área totalmente aceitável. Ah! Bom lembrar também que o clone está a 2 metros do raio de ação desta área.

Bom, agora vamos para a segunda parte da estratégia e que acaba sendo a mais simples: Tanto eu quanto meu clone estamos utilizando o Kanchi, isso significa que estamos sentindo todo o chakra em uma área 10 km. Bom, devido a este fato, qualquer inimigo que seja rastreado pelo Osmar - nome carinhoso que acabei de dar pro clone- e que estiver na área de 70 m², irá sofrer arduamente as consequências, ou não... O clone irá se teletransportar para a kunai hiraishin mais próxima do alvo e então procurará decapita-lo com uma fuuma shuriken.

O clone está em contato direto com o solo para que possa sentir a presença de chakra, e eu estou escondido na copa de uma árvore a 20 metros do portão e de toda a ocorrência que se passa lá.

Agora vamos aos clichês: Todas as minhas armas básicas comigo distribuídas em compartimentos espalhados pela vestimenta. Vestimenta essa que é uma roupa jounin padrão com o manto de kage por cima. Todos os movimentos foram executados na velocidade e força máximas do personagem, que apesar de ser um Minato sem nada especial ativo, ainda tem uma velocidade acima da média. E irei descontar o Hiraishin apenas se o clone utiliza-lo de fato, e isso só saberemos no próximo capítulo -post-.


Ficha
HP | Full
Chakra | 2300 - 2150

Descrições:
 





"Vivi, amei, bebi, tal como tu; morri."
(Lord Byron)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Asura
Ancião
Ancião
avatar

Mensagens : 259

Alerta :
15 / 10015 / 100


Ficha de Personagem
Personagem: Uchiha Madara [29.01.16]
Vida Vida:
1550/1550  (1550/1550)
Chakra Chakra:
1550/1550  (1550/1550)

MensagemAssunto: Re: fuorilegge   12/1/2016, 21:32



No começo da viagem tudo parecia tranquilo, sequer tinha noção para onde estaríamos indo nesse momento, os dois homens - meus superiores - não falaram nada, cheguei a conclusão de que afinal, era uma intrusa. Mas isso pouco me importava, poder ver uma nova vila, outro cenário que não fosse cinza e triste, era o melhor para mim no momento. Não demorou muito para que chegássemos no barco, guiado por um homem simpático o meu companheiro desconhecido pronunciava que nosso destino era Konohagakure no Sato, uma vila um tanto distante. E então, a costa, o barco parou e nós saltamos, a partir dali toda a viagem seria a pé. Podia notar conforme ambos se movimentavam, eram da elite da vila, o Mizukage com toda sua excelência e o outro homem... como um assassino.

Poderia eu, ter adquirido uma espécie de loucura? Havia se passado pouco tempo, figurativo mas também cronológico, com aquele homem e de certa forma o admirava. Galgávamos de forma apressada, o Mizukage parecia até mesmo se divertir com aquilo, asneira. O que pude observar da paisagem em minha volta é que futuramente, teria o campo de batalha perfeito, e de novamente preferia manter-me calada, atravessamos um campo enorme e logo depois adentramos em uma floresta repleta de árvores de todos os tipos, entendia bem de árvores, afinal manipulá-las é minha habilidade especial e mesmo que em minha vila a vegetação não seja lá seu potencial, eu o fazia bem.

Concluía que a escolha de trajes foi um tanto perfeita, o vermelho reproduzido pela capa que ocultava minhas armas e minha roupa convencional poderia muito bem representar o "fogo" dessa vila, tempo depois, sem ainda me dizer seu nome, o companheiro parou, sua hesitação foi respondida rapidamente pelo mizukage; este que fez suas próprias ações. Não foi diferente comigo, fiquei próxima do homem para escutar suas palavras de forma nítida, mas algo me abalou. O motivo de estarmos os três em outro país, outra vila, era finalmente revelado. Um ataque. Anteriormente, quando passei pelos campos, havia cogitado que seria um bom campo de batalha, mas de fato não sabia se era verdade, apenas suspeitava.

Com o início dos movimentos, só tinha de acatar as ordens dadas pelo companheiro, seria agora o meu momento. Concentrava-me na natureza em minha volta, e no chakra que tudo ao meu redor exalava, não demorou muito e já tinha o poder. O senjutsu era uma habilidade um tanto especial para mim, poderia estar há cem metros e mesmo assim tinha o poder para atacar livremente. De forma com que não ficasse parada no mesmo lugar, com um movimento de pés escalei uma árvore próxima, estaria agora 20 metros acima do solo. Executei selos de mão, cópias surgiram do tronco da árvore na qual eu me localizava, todas partiriam em direção da vila.  
  

1400 | 1300

Meu post está bem simples. Narrei o que tive de narrar e a visão da minha personagem sobre algumas coisas, afinal não poderia deixar tudo para os dois. A minha estratégia é simples, inicialmente eu ativei o Senjutsu e subi na árvore, uns dez segundos para todas essas ações. Depois fiz os meus clones, esses que por sua vez partirão em direção à vila, porém uma ficou em cima do portão ao lado dos demais.

O primeiro adendo em relação a isso é que, como os clones também portam o poder do Senjutsu já que foram criados após a ativação do poder, esses quando sentirem um inimigo se aproximar, utilizaram uma manipulação cada para tentar empalar o inimigo - são dois clones aliás - o clone que ficará em cima do portão também terá o direito de  a manipulação; o primeiro inimigo detectado também será atacado por ele, raízes brotarão do chão tentando prende-lo para que o ataque do clone que está na vila seja efetivo, além disso ele tentará perfurar o corpo do inimigo com outras raízes que serão criadas por um breve intervalo de tempo após sua primeira manipulação. Vale ressaltar que os clones também tem suas tokens, esses atacaram civis. Só para constar as ações dos mesmos, e para deixar claro a adentrada dos clones na vila é após o lançamento das kunais do clone de Freud.

Estou preparando um jutsu. Fora isso que é o mais importante; as raízes anteriormente citadas perseguiram o alvo se o primeiro movimento não for eficaz na tentativa de faze-lo mais uma vez. Minha aparência é essa aqui, bainha ao lado direito e hip-pouch com as armas e hiraishin kunai ao lado esquerdo. Como estou com kanchi ativo saberei se alguém se aproximar. Todos os movimentos feitos por mim e pelos clones em máxima velocidade. Estou a vinte metros de distancia do portão, e dez metros de distancia de Freud.
 

Técnicas Usadas

Sennin Mōdo - Suporte
Rank: -
Descrição: O Sennin Mōdo é o resultado do uso da energia natural, juntamente com chakra normal de um ninja para fortalecer drasticamente todas as suas habilidades.

Senjutsu (仙術; "Arte Eremita") refere-se a um campo especializado de técnicas que permite que o usuário sinta e, então, reúna a energia natural (自然エネルギー, shizen enerugī) em torno de si.

Praticantes do Senjutsu podem aprender a desenhar a energia da natureza para dentro deles misturando-o com o seu próprio chakra (criado a partir de energia espiritual e física dentro do shinobi), acrescentando uma nova dimensão de poder de chakra ao adicionar a energia natural, resultando na criação do "chakra senjutsu" (仙術チャクラ, senjutsu chakura). Este chakra não pode ser visto por alguém que não foi treinado em senjutsu. Este chakra novo permite ao usuário entrar em um estado chamado Sennin Mōdo, que pode aumentar drasticamente a força de todos ninjutsu, genjutsu e taijutsu. Uma pessoa que é capaz de usar o senjutsu é chamado de sábio (仙人, sennin). Atualmente, existem duas formas conhecidas para aprender o senjutsu. Uma delas é estudar com os sapos do Monte Myōboku, como Shima e Fukasaku, como Jiraiya e Naruto fizeram. Gamakichi e Gamabunta também parecem estar familiarizado com ele.

Outra maneira é estudar com as cobras da Caverna Ryūchi, onde Orochimaru e Kabuto Yakushi treinaram. Os selos amaldiçoados que Orochimaru usou na série também usam o chakra senjutsu. Um pré-requisito para ser capaz de utilizar o senjutsu é que o usuário tem de ter uma grande reserva de chakra para ser capaz de manipular a energia natural.


Moku Bunshin no Jutsu - Ataque
Rank: -
Descrição: Um clone que é criado usando chakra para alterar as células do próprio usuário em vegetação. Os clones podem ser tão simples como em função de um boneco de madeira para utilização na Técnica de Substituição do Corpo ou completamente móvel e capaz de executar técnicas. Eles têm a capacidade de viajar para longe do usuário e são capazes de se comunicar com o original. Além disso, uma vez que o clone de madeira tem a capacidade de fundir-se com plantas e árvores, também é excelente para missões de reconhecimento. Ao tocar diretamente no clone de madeira, com a mão, o utilizador pode absorver as informações recolhidas e alterar a forma do clone. Ao contrário de outras técnicas de clone, o clone de madeira não desaparece quando atingido e leva danos a um certo grau. Este, de acordo com Madara Uchiha, torna a técnica de clone perfeito que só ele, com seu dōjutsu, foi capaz de ver através dela. Estes clones também podem ser dissipados como clones normais, no entanto.

Se um clone de madeira é transformado em uma semente e ingerido pelo corpo ou deixado sobre um alvo, pode ser utilizado como um tipo de dispositivo de transmissão. O usuário pode usá-los para controlar o seu destino como as sementes responder apenas ao seu chakra.




Armas


Tōken
Rank: -
Descrição: A espada é uma arma de longa lâmina utilizada para o combate. Enquanto a maioria das espadas em Naruto são as tradicionais katana, tantō ou ninjatō japonesa, as espadas usadas por personagens principais tendem a ter pouca semelhança com armas reais, como é o caso com as espadas dos Sete Espadachins da Névoa. Outras espadas que foram introduzidas na série têm poderes místicos ou especiais, incluindo a Espada de Kusanagi de Orochimaru e Espada Totsuka quando exercida pelo Susanoo de Itachi Uchiha.

A maioria dos shinobi parecem ter uma preferência por lâminas longas e largas, enquanto alguns como Tenten usam espadas curtas, principalmente para jogá-las de longo alcance. Normalmente são os samurai da País do Ferro que são quase todos vistos com espadas, e os shinobi da País do Relâmpago que apresenta uma maioria visível que os transportava. Uma espada conhecida por pertencer a um portador particular, é conhecido como um Meitō (名刀; Literalmente significa "Famosa/Excelente Espada").

Certos países estrangeiros usam tipos mais ocidentalizados de espadas, como os militares do reino do País da Lua usam tanto sabres ou Spatha, enquanto os guardas de Shion no País dos Demônios empunham spatha.


Hiraishin Kunai
Rank: -
Descrição: A Kunai do Deus Voador do Trovão (飛雷神クナイ, Hiraishin Kunai) são kunai customizadas (特注クナイ, tokuchū kunai) utilizadas exclusivamente por Minato Namikaze em conjunto com seu Ninjutsu de Espaço-Tempo: A Técnica do Deus Voador do Trovão. Elas diferem de uma kunai padrão pelo fato de terem três lâminas, em vez de uma no cabo (que é mais grosso que o normal) está a "marca" para a habilidade de teletransporte do Minato, Minato disse também que estas kunai são pouco mais pesadas do que uma kunai normal. As suas pontas também as tornam mais mortais em combate corpo a corpo.

Minato deu uma dessas kunai a seu aluno Kakashi Hatake, como um presente de comemoração para a sua promoção a jōnin, bem como para ser capaz de se teletransportar para seu time a qualquer momento em que a kunai fosse lançada. Durante a Terceira Guerra Mundial Ninja, na batalha entre Konohagakure e Iwagakure, o ninja de Konoha lançou estas kunai atrás das linhas inimigas, o que permitiu que Minato se teletransportasse instantaneamente para os vários locais e matasse os shinobi adversários, enquanto, ao mesmo tempo, tornando difícil para o inimigo prever para onde ele iria se teletransportar em seguida. Ele também manteve várias destas lâminas seguras em sua casa, para que ele pudesse se teletransportar para lá rapidamente quando necessário.


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sued Ibn-La'Ahad
Missing-nin | Konoha |Senhor das trevas
Missing-nin | Konoha |Senhor das trevas
avatar

Mensagens : 11693

Alerta :
0 / 1000 / 100


Ficha de Personagem
Personagem: Orochimaru [25.01.16]
Vida Vida:
1200/1200  (1200/1200)
Chakra Chakra:
1500/1500  (1500/1500)

MensagemAssunto: Re: fuorilegge   13/1/2016, 12:38




Do you remember Dante? Angels do not have brought you to me


Nem sempre eu tinha estado aqui. Mas a vila sim. Mesmo antes de ser uma vila, esta terra já estava aqui. Aqui para aqueles que se perderam nessa terra amaldiçoada, aqui para aqueles que morrem muito antes de sua vida real realmente começar, aqui para aqueles que nunca quiseram realmente crescer. Viemos de diferentes épocas e viemos de vidas diferentes, mas uma coisa permanece verdadeiramente a todos nós. Vivemos nos limites do mundo ninja, e em algum momento de nossas vidas acabamos morrendo muito antes de nosso tempo correto. Nunca havia pensado nisso antes e se todos nós já estivermos mortos? Já ouvi falar e vi ninjas morrerem mais de uma vez, significa que eram fantasmas em guerra? Eu mesmo já me senti morto uma vez e agora aqui estou vivo tentando entender o que isso significa. Pense comigo... Porque não a nada além das cinco grandes potencias ninjas e das vilas menores? Será que estamos presos no inferno ou numa dimensão diferente, onde, nos devemos lutar e lutar intensivamente para pagar os pecados em vida? Parece loucura... Mas se você parar para pensar faz bastante sentido. Porque as bestas com cauda ressurgem cada vez que são mortas? E nossas invocações? E tudo no resto do mundo ressurgindo quase sempre, não a mais duvidas, vivemos num lopping infinito entre o céu e o inferno, provavelmente um purgatório onde as almas inquietas lutam eternamente.

Estava com aquele ninja escultor, vendo seu trabalho que era esculpir o rosto de nosso Shodaime Hokage na montanha no fundo da vila, apenas observava, pois havia sido encarregado de cuidar do trabalho do mesmo e ver se ele não ia fazer nenhuma besteira. Nosso Hokage sem duvida era uma pessoa incrível, pois me aceitou na vila depois de saber de tudo que eu tinha feito antes. - Perdão - Quanto vale essa palavra? Antigamente para meu antigo eu, essa simples palavra não valia de nada, mas agora... Havia um significado enorme.

Uma das minhas "Marionetes" surgiu próxima a mim dizendo que a vila estava sendo atacada. Suspirei fundo e pedi informações sobre o ataque e de acordo com que ele havia me dito os inimigos se localizavam na entrada principal da vila.  Nunca havia protegido uma vila antes, porem é como meu corpo, minha alma clamassem por aquilo. Assim, concentrando meu chakra usei uma técnica  de projeção para mandar uma mensagem aos invasores, não estaria sozinho é claro minhas marionetes já estariam comigo em campo de batalha, pois elas viviam como "pessoas" normais em Konohagure devido poderem se mover sozinha e estarem a meus serviços.

Trinta marionetes chegavam ao campo de batalha se espalhando por diversos lados do campo. Estavam separados em gangues de dez membros.  Quando uma bola de fogo era disparada em direção a uma das marionetes a bola se movimentou em velocidade que poderia se dizer normal e a marionete pulou para o lado tentando escapar daquele jutsu katon e seu adversário agora ignorando as outras marionetes tentava atacar corpo a corpo o clone. Cinco das marionetes presentes no grupo criaram uma única esfera de energia grande e lançaram em direção ao ser que tentava atacar seu companheiro; As esferas possuíam chakra o suficiente para mata-lo caso fosse atingido. No mesmo momento que as marionetes lutavam contra um dos invasores a vários metros longes.  Outras vinte marionetes estavam averiguando o “enxame” de Kunais que haviam caído do céu. Um ser aparecia através de uma das kunais tentando atingir uma das marionetes que foi brutalmente decapitada por ter sido pego pelas costas, mas rapidamente seu companheiro mais próximo jogou cinco pequenas esferas de energia em direção ao inimigo; forte o suficiente matar.  Dois das marionetes eram atingidos por espécie de “estacas” de madeira que prendiam seus corpos no chão e atravessavam seu corpo.  Eram exatamente iguais e logo deduzi que poderiam ser clones.

Após toda a confusão dos inimigos com marionetes. Minha projeção apareceu ao lado daquele que estava em cima do muro.  Olhou para os corpos de inocentes mortos na vila e bufando suspirou fundo e disse em alto tom – Em toda a minha vida... Essa é a primeira vez que eu sinto tanto ódio.  Parem de se esconder seus bostinhas e venham lutar. Pobres almas envoltas da escuridão, tuas ações trazem dor e sofrimento a humanidade, suas almas vazias afogam-se em seus pecados, de que formas desejam ver a morte? -  

- Considerações -

- Bom, meu post foi bem simples. Assim como vocês dei aquela enrolada básica para os fins verdadeiros do post.  Vamos tudo abaixo.

- Eu estava de boa em uma “Missão” de cuidar do homem que esta esculpindo o rosto do Shodaime Hokage na montanha atrás. Isso... Significativamente já deixa clara minha posição que é o outro lado da vila. Logo eu não percebi suas chegadas e nem vocês saberiam minha localização. É obvio que konoha possui mais de 10 km.  Uma das minhas marionetes me avisou que havia ataques no portão principal da vila e que juntamente com as outras estavam indo proteger até minha chegada. Foi um total exato de trinta (30) Marionetes para o campo de batalha.  Eu usei minha projeção astral para as marionetes lutando, minha projeção astral não possui chakra eu acho (ela usa jutsus, então, realmente não sei dizer se possui ou não. Zz) Mas tudo bem. Se possui vocês atacaram ela também, porem, sendo intangível não foi atingida pelos ataques.

- Esta tudo explicadinho no post. Considerei coca a uma distancia de 50m longe de vocês. Apenas é citado que ele disse palavras e não falaram mais sobre distancia dele e logo considerei 50m a direita de Freud.  Isso é.  As kunais de Freud estão em 70². Por minhas contas ta cerca de 18m a todos os lados.  As marionetes que foram em direção à coca não estão no range das kunais de Freud.

- Como eu sei a localização de coca? Não sei. Ele diz atacar pessoas e as marionetes foram em direção de onde havia gritos e etc. Foram surpreendidos pelo clone do mesmo que atacou uma das dez marionetes presentes ali a mesma desviou do ataque, mas foi pego pelo ataque da samehada que arrancou seu braço. Enquanto lutava corpo-corpo contra o clone de coca, minhas outras marionetes utilizaram sua habilidade de criar Esferas de Chakra e logo cinco deles atiraram em direção ao clone de coca uma esfera grande.  (esfera grande que foi utilizada para destruir a montanha e soterrar o lek lá) então. Cinco esferas grandes destruiriam o clone. Não estou afirmando é pela logica do anime/manga que clones não suportam ataques muito fortes e pela distancia de cinco metros seria difícil desviar de cinco esferas grandes.

- No mesmo momento que minhas marionetes estão lutando contra o clone do coca. Outras vinte marionetes estão averiguando o “enxame” de Kunais do céu.  Assim que chegaram três deles foram surpreendidos por ataques de Asura e Freud.  O ataque de freud em uma das marionetes causou sua destruição, pois a mesma perdeu a cabeça. Mas como o mesmo não citou o que faria após “derrotar” alguém. Considerei que o mesmo ficou parado ali e logo pela distancia de 2m minha marionete jogou uma esfera de chakra em direção ao mesmo a esfera esta indo a queima roupa e bem rápido. Após os ataques de Asura acontecerem umas das minhas marionetes tentou destruir seu clone. Ele destruiu mais duas marionetes. Então vejamos. Foram destruídas quatro delas.  Ainda possuo vinte e seis (26) Marionetes em campo.

- Após toda a confusão minha projeção astral se materializou ao lado de asura.  Ela esta com o Tenseigan ativo e o Tenseigan Chakura Mōdo também, pois foi assim que eu estava antes de ativar o jutsu. Se quiserem saber quando ativei, foi muito tempo atrás quando minha marionete disse sobre a invasão.  

- Se vocês pararem para ver o filme e lerem a wikia. Verão que o Tenseigan da vida as marionetes.  Antes de serem destruídas as mesmas ficam como se tivessem vida própria.  A regra atual não proíbe de usar o Tenseigan e nem as marionetes.  Isso é: Estou dentro das regras. Mas onde esta o fodendo Tenseigan? Bom, ele esta num bunker no sub-solo do gabinete do Hokage.  Lembrando também que as Marionetes estão misturadas com o povo da vila ou como ninjas dela. Eu posso ter vindo com trinta marionetes nesse post. Mas poderão e virão mais delas nos outros até que o Tenseigan seja destruído e lembrando que para destruí-lo é preciso ser Hyuuga ou Otsutsuki. Estou preparando um jutsu e correndo em direção ao portão. Chegarei apenas no proximo post/talvez. Todas armas básicas estão comigo.  




Citação :
Tenseigan - Ativo
Rank: -
Descrição: O Tenseigan (転生眼; Literalmente significa "Olho da Reencarnação") é um poderoso dōjutsu utilizado pelo clã Ōtsutsuki. Ele é caracterizado por uma pupila azul rodeada por um íris azul e branca semelhante à uma flor.

O Tenseigan se manifestou pela primeira vez por Hamura Ōtsutsuki. Devido a isso, a combinação do Byakugan do clã Hyūga o chakra do Navio de Energia, podem evoluir o Byakugan no Tenseigan. Isso foi comprovado um milênio depois do tempo de Hamura por um de seus descendentes, Toneri Ōtsutsuki, que despertou o Tenseigan após ter sequestrando Hanabi Hyūga e roubado seu Byakugan; Toneri fez tal ato devido ter nascido sem os olhos devido ao selamento dos olhos de seu clã dentro do Navio de Energia para o Tenseigan. Como o último sobrevivente do clã Ōtsutsuki, Toneri concluiu que a humanidade fez de fato uso do chakra para o mal e ele tornou-se determinado a cumprir mil anos o voto de seu clã e destruir a humanidade, despertando o Tenseigan e soltando a lua sobre a Terra.

O Tenseigan concede aos usuários a capacidade de controlar as forças tanto atrativas e repulsivas, similar ao Rinnegan. Além disso, ele também permite acesso ao Modo de Chakra do Tenseigan, técnica que garante ao usuário um aumento na velocidade, poder, força, durabilidade e reflexos.

O usuário também tem acesso às Esferas da Busca da Verdade, garantindo a posse de todas as cinco transformações da natureza e a Liberação de Yin-Yang. Também é possível revestir as esferas com o chakra do manto, o que Toneri chama de "Rosário de Chakra" (チャクラの数珠, Chakura no Juzu). Com isso, é possível a criação de poderosas rajadas de vento e uma lâmina de chakra forte o suficiente para cortar a Lua pela metade sem abrandar.


Citação :
Tenseigan Chakura Mōdo - Ativo
Rank: -
Descrição: O Modo de Chakra do Tenseigan é uma poderosa transformação única para aqueles que possuem o Tenseigan. Toneri Ōtsutsuki pode entrar nesta forma devido a ser um portador do dōjutsu.

Enquanto este modo está ativo, o usuário ganha um manto de chakra com seis marcas de magatama em torno de seu colar e um chifre de chakra distintivo saliente da testa. O manto desta forma tem o chakra de cor ciano e libera chamas bruxuleantes. Quando Toneri entra neste modo, seu cabelo espeta-se para cima.

Este modo é dito ser mais ou menos a par com Modo de Chakra do Nove-Caudas de Naruto Uzumaki. Esta forma é capaz de dar ao usuário as Esferas da Busca da Verdade, e seu chakra, presumivelmente, faz as Esferas da Busca da Verdade do usuário brilharem em uma cor verde. Parece que este modo também concede ao usuário uma forma de conjuração e transfiguração. Toneri demonstrou a capacidade de criar uma gaiola de ouro decorada por jóias com o auxílio do chakra para temporariamente prender Hinata antes de ser derrotado por Naruto.

Citação :
Projection Technique - Ativo. Localização ao lado de Asura.
Rank: -
Descrição: Esta técnica permite que o usuário projete uma imagem de si mesmo à uma longa distância, a fim de enviar uma mensagem. A projeção é intangível e é capaz de se comunicar em tempo real.

Citação :
Tenseigan - Dito no post a localização.
Rank: -
Descrição: O Tenseigan, também conhecido como o Recipiente de Energia (エネルギー体, Enerugī-tai), é um tesouro sagrado do Clã Ōtsutsuki, que havia sido usado por milênios para selar o Byakugan do clã para combinar seu poder. Ele é um altar usado para recolher e amplificar a energia natural, com o clã e usá-la como fonte de energia para tudo na lua, incluindo as inúmeras marionetes autônomos que serviram-lhes de potência. Como tal, tem o poder de criar explosões em massa de chakra que pode aniquilar exércitos inteiros em uma maneira similar a Bola da Besta com Cauda. Diz-se que o navio só pode ser tocado por aqueles com o "chakra não diluído de Hamura", ou pelo clã Ōtsutsuki e Hyūga, ambos dos quais são descendentes de Hamura.

O Tenseigan se consistia de duas partes separadas, o seu caso e do conteúdo principal. Sua estrutura em forma de caldeirão feito de ouro, que atualmente foi acorrentado e montado no interior do Santuário de Hamura. O conteúdo principal é um olho de orbe do sol, com a estrutura pupila amarela em forma de hexágono, rodeada por uma íris de flor, como amarelo-alaranjado, que esta atualmente armazenado dentro do núcleo do sol artificial e protegido com alguns enormes pedaços de barras de metal e guardada por um grande número de bonecos. No passado, se de alguma forma forem colocados e montados em uma estrutura de torre com rodas com um emblema esculpido na frente da torre.

O navio foi posteriormente destruído por Naruto e Hinata através do seu esforço combinado. Quando o navio foi danificado, ele começou a piscar e, finalmente explodiu, desintegrando-se em incontáveis ​​Byakugan. Quando ele quebrou completamente, o sol artificial dentro da lua se desintegrou e todas as coisas que vivem no interior da Lua deixaram de existir, no entanto, a Lua só iria parar de se mover temporariamente.

Hp: 1500/1500 Ch: 1400/1150

Marionetes:
 




Ficha Personagem|Ficha de Iten's|Laboratorio|Criações


Que belo som. O som de ossos quebrando. Mas tem um som que eu gosto ainda mais. E ele é... o som de um coração se partindo em pedaços!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Awashi
Akatsuki
Akatsuki
avatar

Mensagens : 5897

Alerta :
0 / 1000 / 100


Ficha de Personagem
Personagem: Hidan [10.02.16]
Vida Vida:
1500/1500  (1500/1500)
Chakra Chakra:
1400/1400  (1400/1400)

MensagemAssunto: Re: fuorilegge   13/1/2016, 13:46


"I have long since closed my eyes... My only goal is in the darkness."
-

O verdadeiro poder da escuridão. Eu sequer poderia ensoberbecer minha própria pessoa, proferindo que meus poderes poderiam ser criados diante de meus olhos; para ser sincero, meu verdadeiro poder encontrava-se dentro deles. Sacrifício. Abnegação. Desejo. Fogo. Tantos os aspectos que tive de desenvolver para que pudesse atingir o ápice de meu sangue. A realeza de meu clã. O sentimento inicialmente soturno, caliginoso, desalumiado, amedrontador e flagicioso conforme senti minha lâmina imbuída de justiça atravessando um corrupto coração de um familiar. Sentimento este, que por sua vez, tornou-se satisfatório, de aprazimento, espórtula... e acima de tudo poder e predomínio. Todos os que se opusessem, esmagados. A escuridão alastrava-se pela minha própria alma, permitindo que eu sentisse os calafrios de poder em cada singular célula de meu corpo. Poucos seriam relevantes em meu caminho agora; os que juravam lealdade cumpririam-na até que a última gota de seu sangue impuro se esvaísse, pois eu era o líder de Konoha. Eu era o líder Uchiha. Eu era o líder do mundo Shinobi até este ponto. Quantos adquiriram este poder magnífico, ocasionalmente me perguntava. Estranho o suficiente, um gênio poderia reconhecer outro; até senti-lo, estendendo a metáfora. Curiosamente eu não me via apto de sentir nenhum coração que batesse que tivesse seus poderes otimizados pelo olho caleidoscópio além do meu próprio. Poderia eu ser o único? Certamente se isto fosse verdade confirmaria que eu seria o escolhido da profecia; estabelecer a paz, unificar o mundo, doutrinar o restante das criaturas que a mim se curvassem. Uma incumbência honrosa, da qual não teria certeza de que aceitaria, apesar de tudo. O deus da tempestade. Iluminação divina. O leitor lunar. Poderiam ser melhor agrupados como os três juízes; agiriam agora como a ferramenta de justiça, uma vez que me tornei o verdadeiro autor de seus tribunais. Hum. Outro fator curioso; mesmo que pudesse reivindicar todos estes postos magnificentes, divinos e espalhafatosos, não me vi e nunca me veria em tais posições. Eternamente continuaria como um simples garoto que, por seus méritos, habilidades e honra dominou um grande manancial de poder embebidos e banhados a sangue e morte. Uma verdadeira história de perecimento e definhamento, embora por alguma razão persistisse a ver alguma esperança para meu futuro de luz. E inabalavelmente permanecia resoluto a respeito deste propósito em questão. Um simples garoto com grandes poderes.

Independente do futuro, independente do passado -já passei vezes o suficiente me lamentando sobre os afazeres que deixei de fazer e quais deveria começar a fazer em breve; como um líder, cometeria alguns erros; como um Uchiha, cometeria vários erros. Como um ninja, cometeria infinitos destes. A questão não se tratava de tornar meus passos inerrantes, e sim ser preciso de tal forma que meus acertos me tornem tão brilhante como atualmente tive a capacidade de me tornar. Que insólito; um garoto insolente a arrogante como eu incumbido de proteger milhares de vidas, algumas das quais sequer conheci. No entanto, a provável pior parte de tudo isto era meu livre e espontâneo desejo de o fazer; e o agrado quando era bem sucedido em tal tarefa. Creio eu que a única pessoa que realmente acreditou na vicissitude positiva de meu caráter foi meu enciclopedista e antigo conselheiro Thomás. Meu único e verdadeiro tutor, embora eu nunca gostasse de falar sobre; quem realmente doutrinou-me sobre a verdadeira força de um ninja, e como a mesma era colocada também em princípios, propósitos e valores ao invés de somente jutsus e derramamento de sangue. Embora sempre tenha o visto como um velho cachorro que esteve sempre coçando suas pulgas no gabinete do Hokage -até mesmo antes de eu nascer, isto é-, parte de minha conduta exemplar se deveu à sua voz que incorpora a pura essência da sabedoria. ─ Falando naquele cão velho, porquê ele não está aqui mesmo? ─ Uma última reflexão em forma de uma patada, que arremessou-me com violência para fora de meu mundo de contemplamentos conforme fitava a abrangência de meu vilarejo, reclinado numa simples cadeira que há anos servia como um empobrecido trono para todos os antigos Hokages na história. Mesmo não tendo total conhecimento de quando me distraí em meus pensamentos, tinha completa ciência de que deveria retornar as papeladas. E assim o fiz, conforme um de meus ninjas vergastou minha porta repetidas vezes de tal forma que transpassasse certo nervosismo em tal ato. ─ Hokage-sama! Uma notificação urgente! ─ Exclamava segundos antes de eu autorizar sua presença dentro de meu gabinete em questão.

Curvou-se diante de minha presença, demonstrando seu ato de respeito tal qual era posto antes mesmo de uma emergência. ─ Um relatório da unidade sensorial de Konoha dita que a barreira fora rompida por ninjas desconhecidos! ─ Milésimos antes de concluir sua desesperada sentença, encontrava-me em prontidão ao lado da porta, na retaguarda do soldado. ─ Inicie o plano de evacuação dos civis. Localize e notifique meu conselheiro; que me encontre nos arredores do estardalhaço. É para onde rumo neste exato instante. ─ Não tardou a externar sua compreensão da mensagem através de uma mecânica resposta logo após partir junto de mim, embora tomássemos rumos diferentes a partir dali; conforme evadia minha sala, não pude deixar de notar os sons de trovões aos céus, embora a tempestade que se formava não se despejava sobre nossas cabeças ainda.

A poluição sonora aumentava gradativamente conforme me aproximava do local do ocorrido; grande parte dos ninjas efetuavam alguns gestos de mãos para direcionar os civis, que por sua vez variavam muito suas emoções conforme pude ouvir. Alguns em pânico, outros um pouco mais pacientes; a única emoção em evidência comum naquele momento era a confusão, tendo em mente que os aparentes "ataques" até então não foram abrangentes o suficientes para causar um grande tumulto -isto foi tudo que pude relatar entre minhas perneadas entre os telhados das construções do vilarejo. Já estava na metade do percurso quando pude ouvir um som alto o suficiente para indicar a seriedade do assunto; ─ Mangekyo Sharingan ─ Murmurei, em voz consubstanciada em poder e auto confiança em minhas novas habilidades. E neste exato momento efetuei uma breve hesitação em meu próximo movimento ao norte conforme meus olhos puderam relatar parte das informações da confusão. Notei também as atividades de Chakra de Saga, outro de meus ninjas Sannin que aparentemente já havia se mobilizado em iniciar as defesas da vila. Assim que realmente adentrei na cena de batalha, os reflexos avançados de meu Sharingan instantaneamente forçaram a me focar completamente nos detalhes que o tal poder ocular poderia me conceder; a visão aguçada de meus olhos permitiu notar uma inscrição em alguns projéteis espalhados alguns metros -2- a minha frente, e como tais detalhes eram incrivelmente semelhantes com o selo que eu possuía no pescoço. ─ Poderia ser a mesma técnica? Devo manter distância. ─ Novamente pensei, ainda outra vez mantendo-me numa área segura conforme os ataques remanescentes dos invasores colidiam contra as marionetes de meu companheiro; e neste exato momento estava certo de que poderia contra-atacar.

A energia negra e púrpura tomou minha alma e uma delimitada área ao redor de meu próprio corpo, conforme meus olhos elevavam-se em direção aos invasores. ─ Susano'o! ─ Bradei, assim que o deus da tempestade tomava sua completa forma que meus olhos permitiram até o momento; instantaneamente manejando com habilidade seu arco que já repousava uma flecha em seu punhal, redirecionou-a para um dos invasores e efetuou um mortal disparo conforme mantinha meus olhos fixos no mesmo, prevendo sua movimentação futura para que pudesse disparar uma segunda flecha durante sua esquiva inicial enquanto permanecia focado, embora o panorama de minha vista pudesse acompanhar uma grande área de todo o tumulto. Não vi a necessidade de incrementar o poder de meus ataques, tendo em mente que eu já poderia sentir ele se aproximando.

Awashi; 1900/1810
Considerações:
 
Ut.:
 


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Mexicano.
Sannin
Sannin
avatar

Mensagens : 305

Alerta :
0 / 1000 / 100


MensagemAssunto: Re: fuorilegge   13/1/2016, 17:53



The Light!

Duzentos e oitenta e três era o número total de pássaros que sobrevoaram o local onde o velho estava até o momento. Para cada animal um risco era feito com uma de suas Kunais especiais. – Hoje o tráfego está fraco, hm. Murmurava, levantando-se do acomodado lugar em cima das muralhas de Konoha. Trajava as mesmas vestes usuais – sobretudo branco com detalhes negros sobre um Kimono preto. O chapéu de palha o protegeria da chuva que estava prestes a cobrir o vilarejo, ouvia-se os estardalhaços dos trovões. – Devo voltar ao gabinete antes que a chuva comece, aquele pirralho deve estar precisando de algo. Novamente sussurrava.

Thomás dobrava vagarosamente as juntas de seu joelho, pelejando a realizar o primeiro de vários saltos até o gabinete do Hokage quando fora interrompido. – Thomás-sama, a presença do senhor foi solicitada por Hokage-sama. Aparentemente a vila está sob ataque. Pronunciava o ninja pertencente à organização ANBU, curvando-se diante do velhote. O rapaz mascarado continuaria seu pronunciamento informando a localização do provável ataque, porém a reação de Thomás fora mais rápida. A habilidade de rastreamento fora ativada e toda a indisposição que outrora possuía para colocar-se à caminho de seu antigo destino já não existia mais. Agora sua máxima velocidade o levava rumo aos prováveis inimigos.

Antes que chegasse ao possível local da invasão, Thomás utilizava da mesma estratégia de sempre. Antes de entrar em uma batalha, usufruía de seus clones para acumular informações a respeito de seus oponentes. E assim era feito. Seus dedos juntavam-se em forma de selo, criando duas pequenas explosões de fumaça ao seu lado. As duas réplicas seguiam em frente através de caminhos separados, enquanto o original mantinha-se atrás.

Ao longe o primeiro clone já podia reconhecer as silhuetas dos presentes em campo. Já tinha ciência de que algumas das presenças tratavam-se de réplicas, porém no mínimo três eram invasores distintos. Cerca de trinta marionetes batalhavam muro adentro. – Esta deve ser a habilidade daquele outro Sannin. Pensara. Um pouco mais ao lado Awashi. Apesar de ser uma mera réplica, a visão de seu afilhado e Hokage em batalha trouxe consigo preocupação e fúria às veias do clone. Este, por sua vez, sacava uma de suas Kunais especiais e a lançava em direção aos invasores presente sobre o portão de entrada da vila. O trajeto não era tão longo, porém não tão curto. Fora o suficiente para que uma técnica fosse ativa, multiplicando milhares de vezes a arma arremessada.

Durante o ataque, o segundo clone sumia instantaneamente de sua posição, aparecendo ao lado de seu afilhado. – Parece que as coisas esquentaram de novo, não? Pronunciava, parando sobre a estrutura ao lado do Hokage.
T. 1500/1050.


Considerações:
 

Descrições:
 

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
High
Nukenin | Kiri
Nukenin | Kiri
avatar

Mensagens : 992

Alerta :
80 / 10080 / 100


Ficha de Personagem
Personagem: Nagato [25.01.2016]
Vida Vida:
1700/1700  (1700/1700)
Chakra Chakra:
1700/1700  (1700/1700)

MensagemAssunto: Re: fuorilegge   14/1/2016, 16:34



O caos estava estabelecido. Gritos e mais gritos chamariam os defensores, com toda certeza. E, não demorou para que eles realmente chegassem. Meu clone foi avisado, atacando um dos defensores. O ataque foi efetuado com sucesso, retirando o braço do oponente em um golpe rápido com a espada. Infelizmente, tive de ver minha criação morrer. Uma bola de energia cor dourada foi enviada na direção de meu clone, fazendo com que o mesmo se desfizesse em fumaça.

Pude ver então com meu olho evoluído uma grande massa de chakra chegando em campo e poucos segundos após, realizando um ataque. Uma grande flecha vinha em minha direção e como meio de defesa, um simples bater no muro foi suficiente. Grandes paredes de terra levantavam, fortes e rígidas. Serviria para atrasar a flecha, ou até mesmo parar com o total avanço dela. Não suficiente, quando perto o bastante, realizei um salto para a direita assegurando então a defesa. Porém, percebi outra flecha já a caminho já estando no final do salto. Daria tempo suficiente para ao tocar no chão já mandar outro salto, saindo também da trajetória da segunda flecha. Após, movi meu corpo na direção de meus parceiros, conseguindo notar então diversas kunais sendo lançadas na parede de terra. Um ataque precipitado, talvez.

Do lado de meu líder, executei um selo simples criando dois clones. Mandei então um deles ir na direção contrária da vila, parecendo que o mesmo estava fugindo da batalha. O tomou a frente na batalha, voltando para perto do portão só que desta vez sem ficar em cima do muro. Ele tinha a missão de esperar e defender tudo o que pudesse.

Considerações: Enfim, acho que não ficou tão complicado minha defesa. É lógico que eu sei a força e velocidade da flecha. Não coloquei esses dois pontos em questão para minha defesa, não mesmo. Ao ver a flecha vindo em minha direção, mesmo que seja rápida, a formação de meu jutsu também é. As paredes. Sim, as, já que ele não cria somente uma parede e sim várias formando camadas fortes e que fique claro, criei as suficientes para defender da forma que defendi. O jutsu me permite isso, que fique claro. Não sei se realmente a flecha passaria, e caso passe, fiz os pulos/saltos. São saltos simples, pro lado direito, coisa de meio segundo no ar, talvez mais, talvez menos. Enfim, com a colisão das flechas nas camadas de parede sólida, elas perderiam velocidade e talvez força o que seria o suficiente para minha defesa. Considerei criar paredes na minha frente e na esquerda. Sim, as mesmas paredes parariam as kunais do Mexicano. Citei ver algumas acertarem a parede e como ele mesmo disse, atacaria após a defesa das flechas do artu. Considerei ele atacar logo após o impacto da segunda flecha nas paredes. Isso de espalhadas da melhor forma possível acho difícil pelo seguinte fato: Seu clone está na mesma altura que meu corpo, estando a cinquenta metros - sim considerei cinquenta metros do seu clone pro meu corpo - as kunais só iriam em linha reta, não teria como logicamente elas irem por cima ou coisas do tipo. As que citei acertar o muro eram as primeiras kunais. Só sai, simples assim. E não, seu clone não usará o tp para me atacar. Você cita claramente nas considerações que ele só usaria o tp se as kunais chegassem perto o suficiente. O que seria esse perto suficiente? Um metro? Menos? Consideraremos um metro, o que no caso, já que dei saltos para a direita e suas kunais vinham da esquerda, seria impossível ocorrer o tp. Sim, você deixou brecha nisso. Não é como se você falasse que daria tp na kunai que chegasse o mais próxima possível. Tem certa diferença.

Se não me engano Maick considerou certa localização minha e o Artur outra. Consideremos a do Artur ou vocês podem considerar a minha, que tal? Não que isso faça alguma diferença na minha defesa.

De resto, foi tudo explicado. Movimentos sem pausa alguma e na maior velocidade do meu personagem. Sim, o Sharingão não é páreo para o Magenkyou só que isso não quer dizer que ao tardar uma técnica com um impacto, não me de chances de defesa. É nós clã. O clone que criei foi na direção oposta da vila e só parará quando chegar a exatos 700 metros de lá. Já o outro vai ficar na frente perto do portão, cerca de 2 metros. Estou do lado do Freud. Se ele esta escondido, como disse, eu também estou. Aproveitei a confusão com a poeira erguida no choque das flechas com a parede de terra para me locomover sem ser percebido.

Riyu: 1500 e 1200

Citação :
Doton: Tajuu Doryuuheki
Rank: -
Descrição: Semelhante a técnica Doton: Doryuuheki, cria-se uma parede reforçada de terra a ser utilizado como um mecanismo de defesa. Usando uma fonte pré-existente de terra no entanto, permite ao usuário criar várias paredes de terra, fortalecendo ainda mais a sua defesa, de modo que, mesmo quando as paredes exteriores são destruídas os internos ainda são deixados intactos.

Citação :
Kage Bunshin no Jutsu
Rank: B
Descrição: Semelhante ao Bunshin no Jutsu, esta técnica cria clones do utilizador. No entanto, esses clones são cópias reais, não ilusões. O chakra do usuário é uniformemente distribuído entre cada clone, dando a cada clone uma fração igual de poder global do usuário. Os clones são capazes de executar técnicas por si só e pode até sangrar, mas normalmente se dispersarão após um ou dois golpes sólidos, no entanto, mesmo assim, dependendo do crescimento do utilizador com a técnica, pode não ser suficiente, como é evidente quando, durante a Quarta Guerra Mundial Shinobi alguns clones mais notáveis de Naruto tomou batidas pesadas, mas não se dispersou. Os clones podem também dispersar por si próprios. Os clones serão criados em aproximadamente a mesma condição que o original. No entanto, enquanto no Kyuubi Chakura Modo, Naruto é capaz de criar clones de si mesmo em sua forma regular.

Os clones de sombra não pode ser distinguida da pessoa real, mesmo pelo Byakugan porque os clones têm a mesma quantidade exata de chakra e não são feitas de qualquer outro material.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Cherry
Nukenin | Kiri
Nukenin | Kiri
avatar

Mensagens : 1454

Alerta :
0 / 1000 / 100


Ficha de Personagem
Personagem: Uchiha Itachi [22.01.16]
Vida Vida:
2000/2000  (2000/2000)
Chakra Chakra:
2100/2100  (2100/2100)

MensagemAssunto: Re: fuorilegge   15/1/2016, 01:05



Após ancorar a embarcação dos meus devaneios foi que tive a luz para aquele momento. -Não se perca, minha jovem. O senhor lhe estendeu a mão, e naquele momento ela se perdeu em sua juventude. Nova de tudo, experiente sem vida e dona desse viver pouco aproveitado. Trancafiada nos confins de seus sentimentos ela mal poderia respirar se não fossem os aparelhos de seus olhos; observava o mundo como uma moça, ainda nova bailarina, observa os palcos se incendiarem. Toda aquela confusão no toque do senhor se ampliou com o som do trem. Talvez se jogaria, talvez não. O trem era tão ancião quanto o senhor que lhe segurava, no entanto, um representava a sua liberdade e o outro representava apenas sua liberdade em morte. Não valeria a penas jogar-se daquela altura... E seus amores? Suas vivências? Se perdiam naquela escada de sentimentos logo a sua frente. E se ela se jogasse naquela mesma escada? E se ela se afogasse nos sentimentos que utilizou para subir até ali? De nada adiantariam, apenas seriam o necessário para joga-la novamente em frente ao trem. O mais interessante nisso tudo era o eterno efeito dominó daquela situação. Jovem como era, perdida em si e naquele senhor que lhe tocava a pele macia e sedosa, não sabia mais para onde correr. Tudo lhe levaria a liberdade mesmo que não estivesse preparada para ser livre. Até mesmo os pássaros são acorrentados aos seus sistemas naturais, não voam por serem livres, voar por necessidade. Voam tanto quanto a garota que pensava, voando em sua nuvem imaginativa, como seria toda ter seu sangue esquecido pela enfurecida máquina de ferro que se propunha a liberta-la por caos. Triste não era morrer, para ela, triste mesmo era viver sem estar viva. E se jogou naquela intensa nuvem de vapor que se estendia entre a escadaria do seu sentimento e o touro de ferro da sua alma. Não machucou-se ao tocar a neve, mas seu sangue espiritual manchou o seu branco colchão como último suspiro pelo seu intelecto já débil.

A habilidade do clone foi imprevisível e a estratégia havia dado certo afinal. No entanto, algo estranho havia sido notado no momento da decapitação do adversário; sua estrutura corpórea não representava algo humano, tão pouco com propriedades orgânicas vivas. Aproximava-se muito de uma estrutura de porcelanato ou madeira, algo indefinível apenas pelo quebrar através da kunai. Não houve tempo para captar mais informações sobre o adversário, rapidamente outro ser muito semelhante tratou de responder a ofensiva aplicada naquele momento. A situação passou-se brevemente em câmera lenta aos olhos dele, seu sensoriamento cerebral pareceu desligar quando observou o que estava prestes a acontecer. O braço destro ainda descrevendo uma linha reta e horizontal na região do pescoço daquele ser atingido, a cabeça recém arrebatada do corpo voando centímetros acima daquela linha imaginária que ele descreveu para efetuar a ação. O corpo separado daquele membro caia repentinamente de encontro ao chão. Seus olhos se fixaram na figura mais próxima. Subitamente, após analisar aquela concentração de chakra formada em esferas, viu seu fim. Explodiu em fumaça revelando sua real identidade -ou falsa persona, como preferir-. Aquela ação não havia sido indefensável, de modo algum, mas aquela era uma situação pela qual não valeria o desgaste de minha força enérgica.

Paralelamente, distante do ocorrido dentro das propriedades territoriais do vilarejo, estava eu aplicando o planejado. O destrono do rei parecia ter sido eminente e aquela cidade havia sido intensamente castigada. Destruída em toda a sua vastidão, me arrepiava. O seu céu era escuro como se fosse simplesmente um teto mal iluminado, e dele caíam gotas ácidas de sofrimento e dor. Caminhei por entre os corredores daquele caos pós-apocalíptico rumando certo de meu destino. O manto se estendia ao vento conforme este se intensificava ao passo da minha aproximação. Ao fundo, já distante da cidade, pude ver uma porta presa ao vento. Estava rodeada de nada, e como de costume aquela cidadela havia desaparecido junto aos meus sentimentos momentâneos. Minha mão alcançou a maçaneta de forma firme. Entrei! -Olha só quem temos aqui. A voz grave não me assustara, apenas exerceu um pequeno incomodo em meu interior. -Kurama, creio que sabe o motivo desta visita. Cordial tratei de me curvar frente a imensa raposa livre naquele cômodo. -Vamos terminar aquele jogo de cartas que você largou pela metade outro dia? Era tão irônica e hipnotizante, rodeando meu ser submerso em atenção. -Não seja tola! Brinquei ao mesmo tom que o animal conduzia a conversa. - Você sabe a situação na qual me encontro, assim como sabe também que mesmo sem informações sobre os adversários eu sinto que é de suma importância tê-la ao meu lado em mais uma conquista. Apesar da ausência de solo naquela escuridão universal, pude sentir algo tremer sob meus pés quando ela deitou-se a minha frente. Seu rosto próximo ao meu de forma desproporcional. -Venha até mim! Exclamou grave e autoritária. Não neguei. Meu braço destro esticou-se ao ar com fins de tocar as ventas do animal. Assim o fez. Ao toca-la meu corpo estremeceu e uma luz clara tomou o local iluminando-o de forma sobre-humana. Aquela luz partia de mim. Senti meu corpo sendo puxado para fora dali de forma desesperadora. Minhas costas se chocavam contra o ar que me puxava enquanto via a cidade se desfazendo na relatividade daquela velocidade exorbitante com que minha massa corpórea era extraído daquele universo. Aos poucos aproximei-me da realidade quando, por fim, rompi a barreira com o exterior. Meu corpo estava envolto em pura energia reluzente e áurea. Os preparativos estavam quase todos completos.

O poder me embebedava naquele instante, e em um movimento rápido de mãos tornou-se visível cinco silhuetas em meio a breve fumaçava que figurava o local em um jutsu já utilizado. Réplicas exatas do meu eu atual encontravam-se no chão logo abaixo de mim, exalando aquela aura enérgica que também se projetava em meu corpo. A velocidade proporcionada por aquela dose espiritual adquirida era imódica, algo que tornou-se visível quando os clones transformaram-se em rastros de luz ao se dispersar de suas posições iniciais. Meus olhos voltaram-se para a presença que chegava à minha companhia. No entanto, de forma repentina e até mesmo assustadora, um dos clones surge logo a frente de Riyu, voltado para o local da batalha e portando consigo uma de suas armas específicas. O mesmo ocorreu com o garota que nos acompanhava. Ambos os clones estavam obviamente tratando da guarda daqueles companheiro que haviam se arriscado naquela difícil missão. Permaneci inerte e observando o caos a frente, esperando que o primeiro estágio do estratagema fosse posto em prática.

Os rastros luminosos cortaram o vento atravessando as fronteiras que delimitavam os limites da vila. Chegaram ao campo de batalha em busca de um foco e encontraram logo dois. Percorriam o espaço que separava seus seres dos sujeitos opostos, de forma confusa traçavam zig-zag de um modo que a aproximação era acelerada pelo impulso das pequenas curvaturas no trajeto descrito. As réplicas se dividiram com objetivos claros e distintos, cada uma buscaria atacar um dos seres ali presentes.

Odailton -nome carinhoso que resolvi dar pro clone A para não ficar utilizando "réplica" e sinônimos toda hora- foi em direção aquele sujeito um tanto quanto curioso. Seus cabelos negros correspondiam aquela carapaça aparentemente composta de puro chakra que envolvia seu corpo. Seu porte físico era modesto, não muito robusto nem exageradamente alto; e ainda assim era uma figura que impunha respeito. Odailton não esperou que a distância se encurtasse muito para que sua mão avançasse na direção do tórax daquilo que mais aparentava ser uma armadura. Embora a distância impossibilitasse o alcance de tal ação ele fez com que um membro de chakra se estendesse a partir daquele envoltório que cobria seu corpo, com o devido fim de buscar executar a ação imaginada.

Cléverson por sua vez não demonstrou diferença temporal em relação ao seu parceiro, após avançar em direção ao segundo homem com o objetivo claro de destruí-lo. Buscou o combate corporal com aquele adversário; sua mão canhota segurava uma de suas kunais específicas enquanto a direita, de forma livre, tentava apanhar partes do corpo daquele homem no intervalo de cada estocada que tentava aplicar com a arma em sua mão oposta. Cortes horizontais e verticais eram desferidos no intuito de acerta-lo, buscando de forma intensa e ininterrupta causar-lhe danos em pontos mortais, sendo a cabeça e a região do peito -com cortes que alcançariam a máquina pulsante de sangue que chamamos de coração- as mais visadas.

Ainda no topo daquela árvore, podia sentir mesclar-se com a carga em meu corpo. Aquele espetáculo de fenômeno transcendental me revigorava a cada instante. Os olhos fixos na ocasião não me impediram de dialogar com o sujeito que ereto pintava a figura ao meu lado. -Está quase na hora de pormos em prática o planejado. Minha voz árida cortava o vento como um par de lâminas. -Os inimigos são aparentemente hábeis, quais habilidades pode detectar enquanto estava na linha da frente? Meu olhar desviou-se rapidamente na direção do sujeito, mas não tardou a notarem nossa dianteira. -Tenho uma teoria de que a maioria dos sujeitos enviados para esta batalha são humanoides, porém, ainda é uma informação muito superficial e pouco fundamentada. Temos que nos precaver! Raramente o tom de preocupação tratava de preencher minhas cordas vocais, no entanto, naquele momento ele arriscou sair.

vqv.: Bom, primeiro vou mencionar sobre o devaneio do primeiro parágrafo explicando algumas coisas. Meu personagem crê em magia e é adapto ao ocultismo, basta ver o nome que dei ao templo que ele encontrou e a história que forjei para fazer sentido com a trama. Logo, o primeiro paragrafo é como se fosse uma viagem extremamente rápida no subconsciente, nada anormal ou paranormal, apenas aqueles momentos de reflexão que parecem eternos para nós, no entanto, acontecem em um espaço de tempo extremamente curto, poucos segundos. No caso o devaneio ascendeu uma luz sobre a estratégia a ser tomada, após interpretar do jeito desejado a cena visualizada mentalmente. Vale notar que isso aconteceu enquanto meu clone lançava as kunais e fazia todo o esquema citado no fim do post anterior, já que um post é continuação do outro. Portanto, não teriam rolado os ataques ainda. E sim, além de ter feito para dar mais sentido e coerência a trama e ao personagem, fiz para dar uma valorizada básica no post. Tudo nosso nada deles vllw clãn!

Vamos explicar agora o que houve em relação ao clone. Ele não foi efetivo apenas para decapitar a marionete, ele coletou uma informação muito importante "Provavelmente aqueles seres ali presentes não se tratassem de pessoas, mas sim de humanoides". Como dito do post, foi uma ação muito rápida para concluir que realmente eram marionetes controladas por alguém e afins, mas o passo importante de identificar que todas elas podem ser humanoides, foi dado. Todos sabem que quando um clone é destruído a informação que ele adquiri ou experiência que ele vivência vai para o seu criador... Então não preciso nem dizer que eu também estou ciente de uma das parcelas dos inimigos que estamos enfrentando. Ah! Acho que ficou claro que o clone foi destruído pelo ataque do Maickson.

Notas simples e essenciais sobre a Kurama. Sobre a narrativa do local onde a Kurama estava e tudo mais, vou ser rápido: Os bijuu ficam presos no interior do seu portador, portanto, seu interior corresponde ao modo comportamental do bijuu e do temperamento psicológico de ser que lhe é abrigo. Sabendo que meu personagem é emocionalmente conturbado temos a descrição perfeita para o local que apresentei como sendo a moradia dela. Só mais dois adendos bem importantes; peguei apenas 10% do chakra dela e com isso ativei o modo controlado da bijuu. Como todos sabem a velocidade fica exorbitante e a força também. Enfim, é isso.

Acho que ficou claro que ativei o chakra da kyuubi enquanto meu clone sofria as ações no campo de batalha, e terminei poucos momentos antes dele ser destruído.

Algo bom de ser citado é que antes dos clones tomarem seus devidos rumos foi feita uma troca rápida de um total de cinco kunais entre eles e entre mim. Isso quer dizer, cada clone integrou aos demais 5 kunais hiraishin, assim como eu entreguei 5 kunais hiraishin e recebi 5 de cada um. Os clones posicionados a frente dos companheiro encontram-se a 5 metros desses, e ambos buscaram marca-los com o selo hiraishin. Apesar dos clones de defesa terem aparecido apenas após a chegada do Gustavo ao meu lado, todos eles já haviam se dispersado quase no final da defesa dele, isso é, poucos segundos após os ataques direcionados a ele. Ainda vale notar que ambos os clones de ataque contornaram o rage das kunais do Xicano -eu duvido que elas tenham passado da barreira do Coca, mas caso tenham levem essa consideração em consideração hehehe-Odailton: Se ele conseguir efetuar o primeiro ataque citado e agarrar o susano'o com a mão de chakra que parte do chakra da kyuubi, ele irá buscar puxar o susano'o para si e assim ganhar impulso para avançar contra ele, juntamente com a sua velocidade extramente acima do normal. Caso alcance o susano'o Odailton irá tentar aplicar em uma de suas costelas um selo hiraishin. Só lembrando para o Artu que o Sasuke com MS não conseguiu acompanhar o Kira A, logo, segunda a regra de velocidade do fórum onde Minato com manto tem a mesma velocidade que o segundo estágio do Kira A com o raiton, creio que fique muito complicado para que você acompanhe tanta velocidade. Aqui está o link comprobatório, onde Sasuke se perde ao tentar localizar o raikage. (momento 0:58-1:07, sendo claro que ele adivinhou a localização devido ao fato do Kira ter dito alguma coisa, e isso ter entregado sua posição) https://www.youtube.com/watch?v=qwBnuWZY7EE. Vale ressaltar que o braço será feito 2 metros antes do clone chegar até o alvo. O clone também dispensou kunais hiraishin do lado de fora do portão -5 metros- e do lado de dentro -7 metros da posição do Artu-. Cléverson: Bom, antes de tudo tem um ataque oculto realizado pelo Cleverson; quando ele se encontrar a 4 metros do Xicano ele irá lançar uma de suas kunais hiraishin na direção dele e quase instantaneamente após o lançamento ele irá executar o Shuriken Kage Bunshin no Jutsu para criar 5 mil clones que vão avançar na direção do adversário. O rage é de um modo que não alcance o Artu e o meu outro clone, sendo que ele irá abranger a maior área possível visando lhe atacar sem interferir no combate que ocorre ao lado. E os ataques no post ocorrem após isso. -Toda vez que me refiro ao Xicano eu me refiro ao clone dele-. Caso ele use TP, o meu clone irá se utilizar o sensoriamento para tentar rastreá-lo e em seguida, após utilizar toda a velocidade possível, tentará continuar os ataques já citados, sendo que ele apenas irá parar de atacar caso seja destruído. Toda vez que o clone busca toca-lo ele tenta lhe marcar com um selo hiraishin.

Os clones irão simplesmente ignorar as marionetes, eles são rápidos demais para que elas o acompanhem, portanto, irão tentar desviar delas e de ataques que elas executem, e vão direto aos alvos citados.

No post eu citei apenas 4 clones, pois o 5 está indo na mesma direção que o clone do Coca, no entanto, como está com uma velocidade realmente superior ele tentará apanha-lo consigo e levar ambos para um rage de 6 km da onde nossos corpos originais estão e só então irão parar.

Não preciso dizer mas irei citar: Todos os ataques feitos nas máximas capacidades do personagem, em todos os aspectos, velocidade, força e afins.


Ficha
HP | Full
Chakra | 2150 - 2050

Descrições:
 





"Vivi, amei, bebi, tal como tu; morri."
(Lord Byron)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Asura
Ancião
Ancião
avatar

Mensagens : 259

Alerta :
15 / 10015 / 100


Ficha de Personagem
Personagem: Uchiha Madara [29.01.16]
Vida Vida:
1550/1550  (1550/1550)
Chakra Chakra:
1550/1550  (1550/1550)

MensagemAssunto: Re: fuorilegge   16/1/2016, 17:42




Enquanto meus clones assassinavam pessoas, podia sentir suas vidas esvair-se de seus corpos. Talvez ser uma ferramenta com um coração não era algo tão bom assim. Procurei me afastar - a original - mais 40 metros da vila, ficando em cima de uma árvore com as mesmas proporções da anterior. Meus clones ainda estavam em campo, o sinal de vida era mínimo mas poderia senti-los. Fiquei com o alerta redobrado, afinal os inimigos poderiam aparecer a qualquer instante e pelo poder intenso que logo surgiu, cautela era prioridade. Pude sentir o chakra de dois conhecidos - esses que já estavam bem próximos - mas ambos passavam abaixo de mim como se esquecessem da minha existência, logo deduzi que fazia parte da estratégia; a proteção do mizukage era prioridade e eu poderia ser abandonada sem questionar suas ordens, ou o pedido do companheiro que por não conhecer vou chamar de G. A silhueta dourada logo ficou mais nítida, o Mizukage estava à minha frente. Afinal, até alguém como eu merece sua proteção?

Momentos antes, meu clone que estava acima do portão de konohagakure, recebeu certa visita. Pode sentir o acúmulo de chakra ao seu lado e logo uma figura - nada normal - se estabeleceu. Sua fala enfurecida não alterou em nada seus sentimentos, que por mais que sejam conturbados, são puros. Virou um pouco a cabeça para o lado, com um sorriso falso em seu rosto proferiu ─ eu nasci para dar poder, receber ordens, sou uma ferramenta. Me destrua e seu povo continuará a salvo, se não o fizer, matarei todos, o que incluí você ─ depois de sua fala meu clone já sabia para onde ir; ignorou o que estava ao seu lado. O mesmo corria em direção a vila, numa velocidade absurda aliás, o chakra monstruoso estava estabelecido em uma forma física - susano'o - , um dos aliados foi atacado, era um monstro gigante. Uma manipulação foi feita, o clone deveria estar na mesma altura de seu alvo, - o que deveria ser o progenitor da criatura de cor púrpura -  quando saltou, selos de mão foram usados, a técnica proveniente desses mesmos selos poderia acabar com qualquer um; um mundo escuro e vazio.  O alvo poderia ser pego ou não na técnica, mas espera que fosse eficaz contra o inimigo.

Anteriormente, enquanto o clone da muralha conversava de forma agradável com o "humano" desconhecido, havia cerca de dois clones no solo, por sorte ou não, apenas um foi alvejado pelo inimigo. Um deles vinha na direção de um desses clones, o outro só teve que defende-lo e então o clone - que estava livre - atacou o inimigo. Não demorou muito e ambos procuravam direções diferentes. Após sentir três chakras idênticos e um, um pouco mais distante,  surgirem no champo de batalha e dois deles se distanciarem um dos clones decidiu ir até desse inimigo em questão - não deixando de fora a energia "anormal" que fora sentida também -. A velocidade de ambos eram absurdas, os inimigos alvejados eram distintos, supondo que um deles utilizava a mesma estratégia que eu; usar clones para reconhecimento e se manter longe. Era fácil para o clone calcular quanto tempo levaria até encontrar de fato esse inimigo com chakra anormal, poucos segundos. Mas não é isso que vou destacar agora.

Como quero evitar frases repetitivas o clone que agora já se localizava em uma área residencial - que estava completamente vazia exceto pelo chakra notado anteriormente - seria chamado de Petúnia. Petúnia prosseguiu até o inimigo, utilizou de duas manipulações para tentar atacá-lo; seriam raízes fortes o suficientes para atravessar o corpo do alvo, essas que começariam uma perseguição caso o inimigo evadisse ao primeiro ataque. Petúnia de prontidão já realizava selos de mão, suas manipulações além de servirem para atacar o inimigo tentava atrair o mesmo até a sua localização - não que isso fosse de fato uma necessidade já que a mulher galgava em direção ao inimigo de qualquer modo  - e se de fato não fosse um inimigo, seria apenas mais uma vítima.

Agora, por último e menos importante, o clone que iria atrás do chakra anormal - que avançava com uma velocidade igual ou superior em direção ao campo de batalha - para ser caridosa até mesmo com esse clone, ele ganhará o nome de Valdez. Valdez tentaria impedir o progresso inimigo, uma manipulação seria o suficiente, uma raíz gigante seria criada dez metros a sua frente e essa tentaria emergir do chão em direção ao corpo do inimigo, para então tentar atravessá-lo.  É importante dizer que Valdez também iria na direção deste inimigo em sua máxima capacidade, e tentaria utilizar do genjutsu que serviria como coringa para Valdez, era apenas uma estratégia  a mais.  O campo de batalha poderia ser justo para uns, e deplorável para outros, sair de konohagakure com a morte de seus defensores era uma honra que eu buscava, ainda mais por ser uma mera jonin que queria ser reconhecida pelo Mizukage.

Tecia selos com ambas as mãos - o eu  original novamente - uma técnica ainda em preparo poderia ser utilizada em seguida, aguardava o desfecho de meus movimentos anteriores para então tentar aplicar a técnica que tinha em mente. Enquanto visualizava as costas do possível clone do meu líder, apenas sorria.


Kyoko
HP: 1400/1400
CH: 1300/1070


Spoiler:
 


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sued Ibn-La'Ahad
Missing-nin | Konoha |Senhor das trevas
Missing-nin | Konoha |Senhor das trevas
avatar

Mensagens : 11693

Alerta :
0 / 1000 / 100


Ficha de Personagem
Personagem: Orochimaru [25.01.16]
Vida Vida:
1200/1200  (1200/1200)
Chakra Chakra:
1500/1500  (1500/1500)

MensagemAssunto: Re: fuorilegge   18/1/2016, 21:29


Por Que Lutamos? Conflito, Guerra e Paz mostram como pequenos desentendimentos podem progredir e se tornar maiores e mais sérios. Mostra também como os conflitos estão baseados em preconceitos e contextos históricos, políticos e econômicos. Comparando os grandes conflitos com os da própria vida, os jovens ganham repertório para analisar as informações divulgadas pela mídia de modo crítico e investigativo. Com base em exaustiva pesquisa e revisado por especialistas, Por Que Lutamos? Conflito, Guerra e Paz dão aos leitores a voz e a confiança para formar opiniões sobre o mundo ao seu redor.

Minha projeção ainda em batalha observou o inicio da movimentação do homem e dos clones que estavam acima do muro. Meu corpo original não estava tão longe como o inicio da batalha, mas ainda estava longe.  A projeção sumiu, já tinha a informação que eu precisava para proteger daquele que vinha para dentro da vila o mesmo usava espécie de manipulações de madeira, não sabia exato. Eu por minha vez corria e pulava sobre os prédios de konohagure com a intenção de chegar mais rápido ao campo de batalha, já estava atento a tudo que poderia vir, inclusive ao “inimigo” que havia corrido pra dentro da vila.

Foi quando correndo em meio as residências de konoha; uma espécie de Raiz gigante surgia do chão tentando me atingir e utilizando minha velocidade, saltei para tras a raiz vinha em minha direção tentando me atingir e apontei a mão para a mesma, manipulei a gravidade e destruí assim a raiz, após isso a ninja se mostrou e venho em minha direção fazendo selos, ela se movia em velocidade grandiosa, mas não superior a minha e logo com a mão esticada ainda utilizei meu jutsu novamente com a tentativa de jogar a garota pra longe, não havia tempo para perder ali.

- Considerações -

- Não tem o que dizer. Até porque esta tudo ali ja. Você não considerou nada em relação a minha projeção e considerando ela para dentro da vila, deu para notar a movimentação de seus clones e nisso meu corpo ja ficou atento. Asura tambem não citou se eu iria pelo chão, então, considerei que estava pulando com entre as residências e prédios da vila.  A raiz surgiu, não sou cego e deu para ver a mesma vindo, não houve especificação e disseram no chat que posso por isso considerar ela lenta a raiz surgiu e pulei para tras, utilizei meu Repulsion Technique para atingir a manipulação. Asura disse em seu post que valdez iria se aproximar de mim e tentar efetuar o genjutsu. No momento que o mesmo se aproximava eu utilizei novamente o Repulsion Technique com a intenção de jogar a clone numa parade da casa. Não sabia que era clone então, só joguei a mesma e marionetes surgiram atirando bolas de energia em direção ao mesmo enquanto estava na parade.

-Após defender o ataque do clone. Comecei a flutuar me movendo em direção ao céu. Fiquei a alguns trinta metros do chão e continuei a utilizar minha velocidade para ir em direção ao campo de batalha. Ao chegar fiquei flutuando a cerca de quarenta metros do chão. Preparo um jutsu.

- Minhas marionetes continuam em campo.  Logo todas as que estão ali subiram no muro de konoha e cada uma delas utilizou uma esfera grande de chakra em direção a floresta. Uma foi o suficiente para destruir uma montanha e acho que 27 causaria um grande estrago.  Lembrando que estou seguindo a regra antiga onde não tem limites das esferas por post. Coca mandou não postar o hp e Ch das marionetes e logo não foi gasto chakra com esse ataque.  



Citação :
Tenseigan
Rank: -
Descrição: O Tenseigan (転生眼; Literalmente significa "Olho da Reencarnação") é um poderoso dōjutsu utilizado pelo clã Ōtsutsuki. Ele é caracterizado por uma pupila azul rodeada por um íris azul e branca semelhante à uma flor.

O Tenseigan se manifestou pela primeira vez por Hamura Ōtsutsuki. Devido a isso, a combinação do Byakugan do clã Hyūga o chakra do Navio de Energia, podem evoluir o Byakugan no Tenseigan. Isso foi comprovado um milênio depois do tempo de Hamura por um de seus descendentes, Toneri Ōtsutsuki, que despertou o Tenseigan após ter sequestrando Hanabi Hyūga e roubado seu Byakugan; Toneri fez tal ato devido ter nascido sem os olhos devido ao selamento dos olhos de seu clã dentro do Navio de Energia para o Tenseigan. Como o último sobrevivente do clã Ōtsutsuki, Toneri concluiu que a humanidade fez de fato uso do chakra para o mal e ele tornou-se determinado a cumprir mil anos o voto de seu clã e destruir a humanidade, despertando o Tenseigan e soltando a lua sobre a Terra.

O Tenseigan concede aos usuários a capacidade de controlar as forças tanto atrativas e repulsivas, similar ao Rinnegan. Além disso, ele também permite acesso ao Modo de Chakra do Tenseigan, técnica que garante ao usuário um aumento na velocidade, poder, força, durabilidade e reflexos.

O usuário também tem acesso às Esferas da Busca da Verdade, garantindo a posse de todas as cinco transformações da natureza e a Liberação de Yin-Yang. Também é possível revestir as esferas com o chakra do manto, o que Toneri chama de "Rosário de Chakra" (チャクラの数珠, Chakura no Juzu). Com isso, é possível a criação de poderosas rajadas de vento e uma lâmina de chakra forte o suficiente para cortar a Lua pela metade sem abrandar.


Citação :
Tenseigan Chakura Mōdo
Rank: -
Descrição: O Modo de Chakra do Tenseigan é uma poderosa transformação única para aqueles que possuem o Tenseigan. Toneri Ōtsutsuki pode entrar nesta forma devido a ser um portador do dōjutsu.

Enquanto este modo está ativo, o usuário ganha um manto de chakra com seis marcas de magatama em torno de seu colar e um chifre de chakra distintivo saliente da testa. O manto desta forma tem o chakra de cor ciano e libera chamas bruxuleantes. Quando Toneri entra neste modo, seu cabelo espeta-se para cima.

Este modo é dito ser mais ou menos a par com Modo de Chakra do Nove-Caudas de Naruto Uzumaki. Esta forma é capaz de dar ao usuário as Esferas da Busca da Verdade, e seu chakra, presumivelmente, faz as Esferas da Busca da Verdade do usuário brilharem em uma cor verde. Parece que este modo também concede ao usuário uma forma de conjuração e transfiguração. Toneri demonstrou a capacidade de criar uma gaiola de ouro decorada por jóias com o auxílio do chakra para temporariamente prender Hinata antes de ser derrotado por Naruto.


Citação :
Flight Technique - Suporte.
Rank: -
Descrição: Esta técnica garante ao usuário a capacidade de levitar e até mesmo voar. Ōnoki foi capaz de transferir essa capacidade para os outros através do contato físico com eles por um montante não especificado de tempo.

Citação :
Repulsion Technique - Defesa.
Rank: -
Descrição: É uma técnica que permite ao usuário manipular forças tanto atrativas como repulsivas, que são utilizadas para vários propósitos e complementam no estilo de luta do usuário.

Menma pode expulsar uma porção de chakra da palma de sua mão, que se transforma rapidamente em uma rajada repulsiva, sendo forte o suficiente para empurrar alvos à uma grande distância. Quando utilizado na defensiva, esta técnica pode ser desencadeada a partir de qualquer ponto sobre o seu corpo para anular a força do ataque.

Após obter o Tenseigan, Toneri também pôde utilizar essa técnica, que ele usa puxar objetos e pessoas para si, para arremessar as rochas da Lua, além de poder criar uma explosão de chakra tremendamente poderosa, que pode destruir uma parte enorme da superfície da Lua.

Citação :
Projection Technique - Ativo
Rank: -
Descrição: Esta técnica permite que o usuário projete uma imagem de si mesmo à uma longa distância, a fim de enviar uma mensagem. A projeção é intangível e é capaz de se comunicar em tempo real.


Hp: 1500/1500 Ch: 1400/700



Ficha Personagem|Ficha de Iten's|Laboratorio|Criações


Que belo som. O som de ossos quebrando. Mas tem um som que eu gosto ainda mais. E ele é... o som de um coração se partindo em pedaços!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Mexicano.
Sannin
Sannin
avatar

Mensagens : 305

Alerta :
0 / 1000 / 100


MensagemAssunto: Re: fuorilegge   21/1/2016, 01:34



The Light!

A batalha intensificava-se a cada segundo percorrido. Ainda escondido, Thomás sentia nitidamente a presença de cada ser presente em campo. – Alguém se aproxima. Pensara, atrás daquela gigantesca chaminé. Sua atenção que outrora mantinha-se alta agora atingia o limite. Junto à aproximação daquele indivíduo duas do que pareciam ser raízes surgiam no chão e partiam rumo ao velho.

Antes que os tentáculos alcançassem seu corpo, Thomás retirava sua presença do campo de batalha através de sua técnica, aparecendo centenas de quilômetros distante da vila, em um terreno montanhoso. Durante a realizações de tais ações, a situação tornava-se ainda mais complicada em outra parte do campo de batalha.

O segundo clone, o qual permanecia ao lado do Hokage, mantinha o mesmo foco no campo de batalha que seu original. Nenhum detalhe a respeito de seus oponentes passava despercebido. Porém por mais atento que estivesse, a velocidade com que as ações ocorriam fugia de seu controle. Uma rápida olhadela ao lado para checar seu parceiro e algo estranho passava-se com seu parceiro. A técnica de defesa do mesmo desfazia-se conforme seu corpo amolecia. Ao mesmo tempo vários inimigos investiam em extrema velocidade. Tudo que a réplica pôde fazer no momento foi tocar o braço de seu superior, extinguindo suas presenças do local pouquíssimo antes de serem atingidos.
T. 1500/2850.

Considerações:
 

Descrições:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Folks.
Hokage
Hokage
avatar

Mensagens : 763

Alerta :
0 / 1000 / 100


Ficha de Personagem
Personagem: Uchiha Obito [Rikudõ]
Vida Vida:
0/1  (0/1)
Chakra Chakra:
0/1  (0/1)

MensagemAssunto: Re: fuorilegge   21/1/2016, 22:47


Mais um dia, mais uma desgraça. Me encheram o saco e eu tive de parar de ler minha novel eroge - Fate Stay/Night - para salvar a pele do amiguinho. Maldito seja o Anbu que me avisou da desgraça dos portões.

Pulei pelos telhados igual um macaco e analisei a situação; clones, um velho e civis mortos. Puto parti, com o leque em mãos, não tardei a posicioná-lo em minha esquerda, as raízes que brotavam do chão lentamente retrocederam ao baterem com toda força na barreira de chakra criada pela arma. Por fim, recuei alguns metros - dez - e fiquei no aguardo.
hp; 1350 // 1000

Cheguei a tempo da defesa na full velocidade q meu perso tem. Sharingan ajudo a analisar a situation e defender da maneira mais propícia possível. N li os posts, morri. Also, se a defesa por algum motivo de deus for falha, considera q pegou só o braço direito dele e perfuro meu corpo todo, //morto. valeo.

mexicanomorreu:
 

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Folks.
Hokage
Hokage
avatar

Mensagens : 763

Alerta :
0 / 1000 / 100


Ficha de Personagem
Personagem: Uchiha Obito [Rikudõ]
Vida Vida:
0/1  (0/1)
Chakra Chakra:
0/1  (0/1)

MensagemAssunto: Re: fuorilegge   22/1/2016, 00:26

{off} Peço encarecidamente que considerem minha Gunbai. Srry ter esquecido a descrição.


Gunbai
Rank: -
Descrição: Uma Gunbai (軍配; Literalmente significa "arranjo do exército") ou gunbai uchiwa (軍配団扇; Literalmente significa "leque do arranjo do exército") é um leque não dobrável, geralmente feito de madeira. Foi usado no Japão antigo por oficiais samurais para se comunicar com suas tropas. Hoje em dia, ele é usado pelos árbitros de partidas oficiais de sumô.
Madara e Obito foram vistos empunhando uma grande gunbai com as mesmas características. É um leque largo com tomoe nele e tem um cabo longo com ataduras em torno da base, bem como tendo uma corrente longa ligada a ele. No passado quando Madara a usou, foi descrita como sendo marrom com tomoe vermelhos e essa corrente foi anexada a alça que parece ter sido ligada a sua kama, enquanto que quando Obito a usou, a corrente parecia entrar em sua manga.

Quando Obito começou a usar, ela foi descrita como tendo um tom roxo com uma borda preta e design de tomoe sobre ela. Ele empunhava a gunbai predominantemente como um mangual usando a corrente anexa para orientar o leque que ele pode usar como escudo por causa da sua durabilidade, e foi capaz de bloquear a Chō Mini Bijūdama de Naruto sem receber qualquer dano visível. Durante a Terceira Guerra Mundial Ninja ela foi vista pendurada numa parede no interior das cavernas do Cemitério das Montanhas e, posteriormente, durante a Quarta Guerra Mundial Ninja, Obito devolveu o leque para Madara, alegando que ele era de fato de Madara em primeiro lugar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Dionísio
Akatsuki
Akatsuki
avatar

Mensagens : 1116

Alerta :
0 / 1000 / 100


Ficha de Personagem
Personagem: Shirou Zetsu [19.01.2016]
Vida Vida:
1000/1000  (1000/1000)
Chakra Chakra:
1300/1300  (1300/1300)

MensagemAssunto: Re: fuorilegge   22/1/2016, 01:44


Tava de boa na lagoa, no meio da vila, andando por cima da ponte, até que senti uma pontada na coluna. Era meu cóx. P*** que pariu. Pensei enquanto andava meio torto até que me sentei num banco e suspirei, como fazia usualmente, ativava minha técnica sensorial - que era melhor que muita bolinha de cristal - e percebia que estava rolando umas treta. Me levantei imediatamente, era como se aquela notícia, aquela algazarra tivesse me revigorado. Dez clones surgiam em volta de mim. Olhava para cada um deles e me comunicava com eles por telepatia, ou o que quer que fosse. Você será o One, você o Two, Three, Four, Five, Six, Seven, Eight, Nine e Ten. Lembrem-se de seus números. Todos acataram a ordem e então entraram de baixo da terra, como se mergulhassem nessa, num ultimo raio de sol, minha careca brilhava, estavam todos a 200 metros abaixo da superficie do solo.

A movimentação por baixo da terra era ridiculamente alta. 6 clones iam pros locais onde ocorriam a batalha, por debaixo da terra, eu e mais outros 4 iamos para ali "perto", ficando a 1 km de distância a direita do portão - do ponto de vista de quem sai da vila -, e há 200 metros abaixo da superficie do solo.

O clone perfeito One, não que fosse meu preferido e por isso ganhou o nome de One, era só One mesmo por ser One - enfim -, ia na direção de um dos aliados, visto que este meu aliado tentou defender um dos Sanin e por isso reconhecia ele como um aliado, o clone ia na direção do rapaz, navegando rapidamente por baixo da terra e emergindo instantaneamente em um salto, para tentar se jogar na frente das estacas de madeira e salvar o aliado, Folks.

O clone Two emergia ao solo, no lado direito de Folks, tentanto tocá-lo no ombro e se posicionando ao lado direito do mesmo, há um metro. Caso tivesse sucesso, assumiria a forma dele.

O clone Three, emergia ao lado esquerdo de Folk, há 15 metros deste, sem fazer nada.

O clone Four, ia por de baixo na terra na direção de um dos shinobis que aparentemente invadia o local de batalha. Como sabia que ele era um inimigo? Pois o mesmo havia clones em campo, pela posição dele que era ofensiva em relação a vila. Assim sendo, ataquei um dos clones, ou o original? Não sabia. Mas era o que estava parado - Asura. Por que diabos o cara ta parado? Só mata, vai que é tua bruxão. Pensei, me relacionando com Four. Four fazia uma unica manipulação de madeira, quando estivesse há 95 metros de distância de Asura, uma fucking estaca de 10 metros surgiria de baixo dos pés do rapaz, a estaca teria cerca de 2 metros de diâmetro na base até atingir a ponta, no formato de um cone. A intenção era de empalar o inimigo. Conseguindo fazer isso ou não, iria emergir da terra o minimo possivel, tocar no minimo um dedo no local de mais facil acesso de Asura e então voltaria abaixo da terra e ficaria de bobs lá mesmo, uns 50 metros abaixo do solo, em baixo do Asura-kun.

O clone Five ia na direção de Mexicano, emergindo atrás dele e tentando tocá-lo no ombro e caso o conseguisse, copiaria a aparência e chakra dele, e se posicionaria em seguida a 10 metros atrás dele.

O clone Six ficaria de boas a 200 metros na esquerda de Folk.

Obs.: Tudo feito SIMULTANEAMENTE. São clones, então tudo foi feito ao mesmo tempo. Mayfly Communication Technique ativo e não sou obrigado a postar descrições. Basicamente todos utilizaram Kagero, onde foi usado na velocidade máxima que pelo visto só é abaixo do teleporte. Tentei impalar o rapaz Asura e tocar nele pra talvez quem sabe maybe who knows? usar o chakra dele e me transformar nele. Não tenho nada pra falar a mais, apenas o básico: velocidade maxima em todos movimentos(até em jutsus, isso inclui a estaca saindo do solo), kanchi ativo, força maxima, sl, essas coisas. Ah, tudo meras tentativas. Ah, o One iria tentar defender o Folk, se atirando na frente dele mesmo, e recebendo tudo na cara, vou deixar o hp zerado e descontar no próximo post. Os clones que fizeram cópias (Two e Five) ficaram com metade do hp e descontei 100 de ck pelo uso da técnica e menos metade do ck, ficando com 400, segundo as regras tmbm.


Dionísio (1200/1200 & 800/900)

One (0000/1000 & 900/900)
Two (500/500 & 400/400)
Three (1000/1000 & 900/900)
Four (1000/1000 & 850/900)
Five (500/500 & 400/400)
Six (1000/1000 & 900/900)
Seven (1000/1000 & 900/900)
Eight (1000/1000 & 900/900)
Nine (1000/1000 & 900/900)
Ten (1000/1000 & 900/900)



Técnicas:
 








Ficha Ninja
D.A. do Aegon


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
'Loki
Sannin
Sannin
avatar

Mensagens : 424

Alerta :
30 / 10030 / 100


Ficha de Personagem
Personagem: Yakushi Kabuto [28.01.16]
Vida Vida:
1200/1200  (1200/1200)
Chakra Chakra:
1200/1200  (1200/1200)

MensagemAssunto: Re: fuorilegge   22/1/2016, 18:22

O recém Jounnin caminhava pela vila, procurando encontrar algum ANBU para agendar seu teste, quando notou diversas pessoas gritando, seguiu o fluxo oposto ao delas que fugiam, quando notou um dos sannins - aquele pelo qual sentia tesão - a sua frente,  correu até o mesmo para saber o que tava conteseno, outors dois shinobis apareceram a sua frente, e uma estaca vinha na direção dos mesmos essa era feita de madeira "isso vai mata-los" estendi meu braço e criei uma cúpula também feita de madeira, protegendo á todos nós. Minha token estava sacada.

Considerações:
 



Kekkei Genkai:
 



Jutsus:
 


Hp: Full
Ch: 850



"Loki não é seu amigo
Loki não é inimigo
Loki não fala a verdade
Loki não conta mentira"
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
High
Nukenin | Kiri
Nukenin | Kiri
avatar

Mensagens : 992

Alerta :
80 / 10080 / 100


Ficha de Personagem
Personagem: Nagato [25.01.2016]
Vida Vida:
1700/1700  (1700/1700)
Chakra Chakra:
1700/1700  (1700/1700)

MensagemAssunto: Re: fuorilegge   22/1/2016, 22:10



Tudo corria conforme o planejado. Meu senhor, o Mizukage finalmente mostrava o seu poder. Como um mante, uma enorme quantia de chakra o envolvia e envolvia por consequência seus clones. Uma habilidade que jamais tinha visto. Ele, precavido como é deixou um de seus clones na minha frente para proteção caso fosse necessário. Pude seguir o ataque de meu senhor usando meu Sharingan, reparando exatamente no que o clone que partia para dentro da vila fazia. O clone partia na direção do oponente que pouco tempo atrás tinha me atacado. Sua velocidade era absurda. O oponente que anteriormente disparava flechas parecia perder todo seu chakra, ficando sem circulação de chakra. Este parecia perecer ali, sem mais nem menos. O clone do Mizukage chegava perto do corpo, já sem todo aquele chakra roxo em sua volta e tocava no corpo morto do oponente com sucesso.

Meu olho não permanecia o mesmo. O olho que contia o doujutsu mudava, sofrendo umas das melhores transformações. O nível 3 mudava completamente, fazendo com que as ''virgulas'' se transformassem despertando então  o famoso e temido Mangekyou Sharingan. A unica razão para que o mesmo despertasse com a morte do ninja que antes me atacava era simples. Hokage? Murmurei, rindo da maneira mais retardada possível. Já tinha sido da vila e portanto, conhecia o Hokage. Era a unica maneira lógica de explicar a grande transformação.

Podia ver, já com o novo olho grande quantidade de marionetes se agruparem no muro da vila, concentrando muita energia em suas mãos. Diversas esferas bem grandes eram criadas e logo lançadas. Por sorte, nenhuma na direção de onde me encontrava e de onde o Mizukage estava - ao meu lado - e distantes para qualquer destroços nos atinja.

Pude ver várias baixas na floresta dos arredores da vila. Realmente uma pena um ninja de Konoha destruindo o único patrimônio bom de sua vila. Está na hora de irmos, sir. Disse pro Mizukage de forma com que somente ele conseguisse ouvir. Tudo o que queria com essa invasão já foi alcançado. Terminei a frase, esperando ele agir rapidamente para nos tirar de lá.

Considerações:
 

Riyu: 1500 e 1160

Citação :
Mangekyou Sharingan
Rank: -
Descrição: O Sharingan de Hatake Kakashi foi despertado, após o trauma de matar Rin Nohara com suas próprias mãos. Apesar de seu despertar, Kakashi só começou a usar o Mangekyo Sharingan durante a Parte II da série, se ele sabia que possuía de antemão é desconhecida. Independentemente disso, com este doujutsu, Kakashi pode usar um ninjutsu de espaço-tempo conhecida como Kamui para criar uma barreira e enviar um alvo para outra dimensão e depois teleportá-lo de volta em um novo local. A barreira exige um esforço considerável para mirar com precisão, deixando o chakra de Kakashi significativamente drenado, especialmente considerando-se que Kakashi não é um Uchiha. Inicialmente, ele só poderia lidar com dois usos em um único dia, deixando-o incapacitado por mais de uma semana após o terceiro uso, e tinha o controle pobre em visa-lo. No entanto, depois de muita prática, ele agora pode até mesmo controlar o tamanho dele para só afetar o alvo que ele escolhe, e usar o objetivo preciso para deformar alvos em alta velocidade. Ele também pode usá-lo duas vezes em rápida sucessão, sem mostrar dreno de chakra imediata e fadiga, para combater as setas do Susanoo de Sasuke Uchiha. Na época da Quarta Guerra Mundial Shinobi, Kakashi se tornou capaz de usá-lo várias vezes em um único dia, mesmo com várias outras técnicas de tributação de chakra, e se recuperar de um excesso de uso muito mais rápido. Sua habilidade cresceu a tal ponto que ele pode usar esta técnica em si mesmo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Cherry
Nukenin | Kiri
Nukenin | Kiri
avatar

Mensagens : 1454

Alerta :
0 / 1000 / 100


Ficha de Personagem
Personagem: Uchiha Itachi [22.01.16]
Vida Vida:
2000/2000  (2000/2000)
Chakra Chakra:
2100/2100  (2100/2100)

MensagemAssunto: Re: fuorilegge   24/1/2016, 02:14



Todo o espetáculo tem seu fim. Nossos objetivos em batalha já haviam sido executados com sucesso; um embate com fins informativos e não expansivos. E todas as informações necessárias haviam sido recolhidas com exceto o suficiente para que meu orgulho permitisse que eu desse a ordem de retirada.

Porém, algo repentino me surpreendeu. Uma explosão aleatória ocorreu ao longe e aquilo sinalizava que talvez, quem estivesse agora colhendo informações demais seriam os adversários. Poucos segundos se passaram desde que ocorreu aquele efeito distante, quando notei a enxurrada de armamentos que nos alvejava. Não sabia de onde vinha e muito menos as causas daquele efeito, porém, algo deveria ser feito com urgência. Elas estavam realmente perto, poucos metros de puro risco. Utilizei um dos braços para alcançar meu companheiro, e ao toca-lo com a mão teletransportei-nos no limite exato para que a ofensiva não nos afetasse. Certamente aquele ataque passou realmente perto, e o que nos restava era rumar novamente no sentido de casa -or no-.

vqv.: To com sono pra caralho então esse post saiu igual o cu do Maick, feio, fedido e depilado.

Bom, a defesa é muito auto explicativa: Notei as kunais quando elas estavam próximas -afinal, são muitas e seria difícil não nota-las-. Porém, devido a velocidade e reflexo que o manto me concede houve tempo o suficiente para tocar o Gustavo e nos teletransportarmos dali. Mas para onde Freud? Simples, no meu post anterior citei que havia um clone meu que iria se posicionar quilômetros de onde estávamos, e foi exatamente para essa ponto que nos teletransportei -pois este clone estava com uma de minhas kunais hiraishin-.

Desativei o modo kyuubeiro quando cheguei ao ponto final do tp.

Após o tp todos os clones foram desfeitos, inclusive o que utilizei para nos salvar dos ataques.

Ai Taco, valeu por estragar a invasão, é thóis. Depois a gente se tromba nas quebradas da vida.


Ficha
HP | Full
Chakra | 2050 - 1950

Descrições:
 




"Vivi, amei, bebi, tal como tu; morri."
(Lord Byron)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sued Ibn-La'Ahad
Missing-nin | Konoha |Senhor das trevas
Missing-nin | Konoha |Senhor das trevas
avatar

Mensagens : 11693

Alerta :
0 / 1000 / 100


Ficha de Personagem
Personagem: Orochimaru [25.01.16]
Vida Vida:
1200/1200  (1200/1200)
Chakra Chakra:
1500/1500  (1500/1500)

MensagemAssunto: Re: fuorilegge   26/1/2016, 02:53


[/justify]


A escuridão cessou. Minha projeção viu em meio as arvores algo se movendo e indo para fora da vila, me passou a informação e segui em direção de onde ele havia dito, olhei ao chão e vi o corpo de um ninja, aquele mesmo que me atacara e ameaçara antes. Apenas ignorei e segui viagem rapidamente em direção que havia me dado a informação.


Citação :
Tenseigan
Rank: -
Descrição: O Tenseigan (転生眼; Literalmente significa "Olho da Reencarnação") é um poderoso dōjutsu utilizado pelo clã Ōtsutsuki. Ele é caracterizado por uma pupila azul rodeada por um íris azul e branca semelhante à uma flor.

O Tenseigan se manifestou pela primeira vez por Hamura Ōtsutsuki. Devido a isso, a combinação do Byakugan do clã Hyūga o chakra do Navio de Energia, podem evoluir o Byakugan no Tenseigan. Isso foi comprovado um milênio depois do tempo de Hamura por um de seus descendentes, Toneri Ōtsutsuki, que despertou o Tenseigan após ter sequestrando Hanabi Hyūga e roubado seu Byakugan; Toneri fez tal ato devido ter nascido sem os olhos devido ao selamento dos olhos de seu clã dentro do Navio de Energia para o Tenseigan. Como o último sobrevivente do clã Ōtsutsuki, Toneri concluiu que a humanidade fez de fato uso do chakra para o mal e ele tornou-se determinado a cumprir mil anos o voto de seu clã e destruir a humanidade, despertando o Tenseigan e soltando a lua sobre a Terra.

O Tenseigan concede aos usuários a capacidade de controlar as forças tanto atrativas e repulsivas, similar ao Rinnegan. Além disso, ele também permite acesso ao Modo de Chakra do Tenseigan, técnica que garante ao usuário um aumento na velocidade, poder, força, durabilidade e reflexos.

O usuário também tem acesso às Esferas da Busca da Verdade, garantindo a posse de todas as cinco transformações da natureza e a Liberação de Yin-Yang. Também é possível revestir as esferas com o chakra do manto, o que Toneri chama de "Rosário de Chakra" (チャクラの数珠, Chakura no Juzu). Com isso, é possível a criação de poderosas rajadas de vento e uma lâmina de chakra forte o suficiente para cortar a Lua pela metade sem abrandar.


Citação :
Tenseigan Chakura Mōdo
Rank: -
Descrição: O Modo de Chakra do Tenseigan é uma poderosa transformação única para aqueles que possuem o Tenseigan. Toneri Ōtsutsuki pode entrar nesta forma devido a ser um portador do dōjutsu.

Enquanto este modo está ativo, o usuário ganha um manto de chakra com seis marcas de magatama em torno de seu colar e um chifre de chakra distintivo saliente da testa. O manto desta forma tem o chakra de cor ciano e libera chamas bruxuleantes. Quando Toneri entra neste modo, seu cabelo espeta-se para cima.

Este modo é dito ser mais ou menos a par com Modo de Chakra do Nove-Caudas de Naruto Uzumaki. Esta forma é capaz de dar ao usuário as Esferas da Busca da Verdade, e seu chakra, presumivelmente, faz as Esferas da Busca da Verdade do usuário brilharem em uma cor verde. Parece que este modo também concede ao usuário uma forma de conjuração e transfiguração. Toneri demonstrou a capacidade de criar uma gaiola de ouro decorada por jóias com o auxílio do chakra para temporariamente prender Hinata antes de ser derrotado por Naruto.


Citação :
Flight Technique - Suporte.
Rank: -
Descrição: Esta técnica garante ao usuário a capacidade de levitar e até mesmo voar. Ōnoki foi capaz de transferir essa capacidade para os outros através do contato físico com eles por um montante não especificado de tempo.

Citação :
Projection Technique - Ativo
Rank: -
Descrição: Esta técnica permite que o usuário projete uma imagem de si mesmo à uma longa distância, a fim de enviar uma mensagem. A projeção é intangível e é capaz de se comunicar em tempo real.


Hp: 1500/1500 Ch: 1400/600
[/quote]



Ficha Personagem|Ficha de Iten's|Laboratorio|Criações


Que belo som. O som de ossos quebrando. Mas tem um som que eu gosto ainda mais. E ele é... o som de um coração se partindo em pedaços!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Mexicano.
Sannin
Sannin
avatar

Mensagens : 305

Alerta :
0 / 1000 / 100


MensagemAssunto: Re: fuorilegge   26/1/2016, 13:11



The Light!

Os ataques direcionados à Thomás eram parados repentinamente. Ao seu redor, três companheiros. – Depois os agradecerei adequadamente. Pronunciou antes de sumir.

Agora em meio à floresta logo após o portão da vila, pegava o corpo de um dos invasores ao chão e o colocava sobre seu ombro, voltando ao interior do vilarejo. Agora Konoha adentro novamente, o corpo a ser pego era de seu companheiro. Seu clone ainda vivo o fazia, acompanhando Thomás até sua casa.

T. 1500/950.
Descrições:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Folks.
Hokage
Hokage
avatar

Mensagens : 763

Alerta :
0 / 1000 / 100


Ficha de Personagem
Personagem: Uchiha Obito [Rikudõ]
Vida Vida:
0/1  (0/1)
Chakra Chakra:
0/1  (0/1)

MensagemAssunto: Re: fuorilegge   26/1/2016, 14:51

Observou o homem sumir após pronunciar-se. Fitou os demais e deu de ombros. Voltou para casa, quieto.

Full (?)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Dionísio
Akatsuki
Akatsuki
avatar

Mensagens : 1116

Alerta :
0 / 1000 / 100


Ficha de Personagem
Personagem: Shirou Zetsu [19.01.2016]
Vida Vida:
1000/1000  (1000/1000)
Chakra Chakra:
1300/1300  (1300/1300)

MensagemAssunto: Re: fuorilegge   26/1/2016, 17:35


O clone Two e Five viraram respectivamente um Madara e um Minato (como havia dito em meu post anterior, visto que nem o xicano ou o folk desviaram do meu toquezinho em seus braços) assim como o clone Four virou um Hashirama, após matar o Asura que morreu por W.O. Os outros 7 clones sumiram, vazei dali por baixo da terra, inclusive os clones vazaram, para dentro da vila.

Obs.: Fodac.


Dionísio (1200/1200 & 800/900)

Two (500/500 & 400/400)
Four (500/500 & 400/400)
Five (500/500 & 400/400)



Técnicas:
 








Ficha Ninja
D.A. do Aegon


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
'Loki
Sannin
Sannin
avatar

Mensagens : 424

Alerta :
30 / 10030 / 100


Ficha de Personagem
Personagem: Yakushi Kabuto [28.01.16]
Vida Vida:
1200/1200  (1200/1200)
Chakra Chakra:
1200/1200  (1200/1200)

MensagemAssunto: Re: fuorilegge   27/1/2016, 00:34

Todo mundo sumiu, eu sobrei, então vazei.


HP: full
Ch:850



"Loki não é seu amigo
Loki não é inimigo
Loki não fala a verdade
Loki não conta mentira"
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: fuorilegge   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
fuorilegge
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Konoha :: Portões da Vila-
Ir para: